Univ. Dr. COPAESCU, CATALIN | a Rainha Maria

A Posição Actual:

Consultor-Geral e de GI Cirurgião Bariátrico & Metabólica Cirurgião, Chefe de Cirurgia Geral do Departamento, Diretor do Centro Bariátrica de Excelência, PONDERAS Hospital, Bucareste, Roménia. O Diretor Executivo da Endoscópica Centro de Treinamento.

Principais responsabilidades profissionais e atividades:

GI & Cirurgia Metabólica: mais de 700 procedimentos por ano – principalmente por laparoscopia. Pioneirismo e desenvolvimento da cirurgia metabólica, cirurgia laparoscópica colorretal, laparoscópica de hérnia, GERD, SILS e NOTAS na Roménia, é oferecida a oportunidade de adquirir uma vasta experiência por: Bariátrica & Metabólica cirurgia laparoscópica de hérnia, laparoscópica para o tratamento da DRGE, o primário e Hérnia incisional, cirurgia laparoscópica Colorretal, endoscopia cirurgia revisional.

Treinamento em cirurgia laparoscópica: 22 anos de experiência, o Diretor-Executivo da DELTA, a Cirurgia Endoscópica Centro de Treinamento (RAES, EAES e o MS Endossada), director do Curso de 12 milhas por ano a partir de 2011, o Diretor da Clínica, imersões e Workshops internacionais equipes cirúrgicas desde 2010

Graus e habilitações académicas:

  • 1987 – república da moldávia – Faculdade de Medicina Geral, da Universidade de Medicina e de Farmácia, “Carol Davila”, em Bucareste
  • 1987-1989 – pós-Graduação MD-Trabalho no Hospital Municipal de Campulung-Muscel, Arges, Roménia
  • 1990-1993 – Residência em Cirurgia Geral, São João Hospital de Emergência, Bucareste, Roménia
  • Em 1993, o General Presidente da Acreditação – o romeno Ministério da Saúde
  • 1995 – Laparoscópica e Cirurgia Torácica Acreditação – romeno Ministério da Saúde
  • 1997 – Consultor Sénior em Cirurgia Geral de Acreditação – romeno Ministério da Saúde,
  • 2008 – Doutoramento, Universidade de Medicina e Farmácia, “Carol Davila”, em Bucareste, Laparoscópica para o Tratamento da DRGE – estudo prospectivo de 550pts e cirurgia Experimental e a Formação do Modelo
  • 2008 – Professor Convidado do “Victor Babes” Universidade de Medicina e Farmácia, cluj-napoca, Roménia – desde que o
  • 2011 – Professor Associado da “Carol Davila” Universidade de Medicina e Farmácia, Bucareste, Roménia
  • 2013 – pesquisador Científico nível 1 (CS1) – romeno Ministério da Educação Nacional (2013)

O Outro guia

  • 2012 Cirurgião Bariátrico de Excelência por IFSO –Capítulo Europeu
  • 2014 – um Cirurgião Bariátrico de Excelência – Surgical Review Corporation (SRC_ de GELO (EUA)
  • 2016 – a Hérnia, o Cirurgião de Excelência – SRC, EUA
  • A 2017 – o Cirurgião Colorretal de Excelência – SRC, EUA

As consultas no Hospital

  • O Pessoal Do Cirurgião Geral – Geral Departamento De Cirurgia, O St. John Hospital De Emergência, Em Bucareste, Na Roménia, De 1993, Através De 2007
  • S De Dep.O Cirurgião-Chefe do St. John’s Hospital de Emergência, em Bucareste, Roménia-2007-2011
  • O Chefe Geral do Departamento de Cirurgia, Hospital Delta, Bucareste, Roménia, 2011 e 2013
  • Administrador Hospitalar – Ponderas Hospital, A Partir De 2013 A 2015
  • O Chefe da GI & Metabólica Departamento de Cirurgia, PONDERAS Hospital, Bucareste, Roménia desde 2013
  • O Diretor do Bariátrica& Metabólica Centro de Excelência desde 2013

Compromissos Acadêmicos

  • Em minha carreira como Professor de “Carol Davila” Universidade de Medicina e Farmácia, Bucareste, desde 2011
  • Pesquisador científico, Ist Grau a Academia de Ciências Médicas – reino UNIDO, o Ministério da Educação Nacional – desde 2013

Cirurgia Endoscópica Da Educação E Formação Para A Atividade

  • A Cirurgia laparoscópica Especialista, um Treinador em St. louis. João Laparoscópica Centro De Treinamento – 1994-2010
  • O Diretor Executivo da Cirurgia Endoscópica Centro de Treinamento – ETC-(RAES, EAES e o MS Aprovado) desde 2011, o diretor do Curso, do dia 12 de cursos internacionais por ano, organizada no ETC.
  • O Diretor da Clínica, imersões e Workshops internacionais equipes cirúrgicas desde 2010 (Grécia, Sérvia, Macedónia, montenegro, Croácia, eslovênia, eslováquia, Sérvia, Cazaquistão, Bulgária, Bielorrússia, república checa, Lituânia, república da Moldávia, etc.) – Um Formador para a Europa Oriental e o Oriente Médio, Ásia, avançado Laparoscópica colorretal, Hérnia, e Procedimentos Bariátricos
  • Membro do EAES de Educação e Formação de Comitê de 2011 a 2015
  • Membro da UEG de Educação e Formação de Comitê, representando EAES desde 2015
  • Membro da IFSO CE, ETC.

Pesquisa:

Em 13 de subsídios de investigação Clínica no campo da DRGE, recto cólica de câncer, metabólicas, cirurgia, prótese para hérnia, tecnologia em cirurgia, NOTAS, Parceiro (11), O coordenador de Projecto (1) Gerente de Projeto (1) inglês – Agências e o Ministério da Educação e da Investigação, a União Europeia, de 7 de quadros do Programa, e a Academia romena de Ciências Médicas).

Publicações e apresentações durante a reunião

  • Publicado artigos originais: 79 (Nacional /Internacional de Revistas, 49 no PubMed, MEDLINE). 24 Livros, ou Capítulos na cirurgia de Livros (Autor ou co-autor); 370 Palestras em diferentes simpósios/ congressos (local ou Internacional de eventos) (280 após o ano de 2000).
  • Árbitro: (o Peer Reviewer): Cirurgia de Obesidade – ISSN: 0960-8923 (Imprimir) 1708-0428 (On-line) Endoscopia Cirúrgica ISSN: 0930-2794 (Imprimir) 1432-2218 (On-line), Técnicas de Coloproctologia ISSN: 1123-6337 (Imprimir) 1128-045X (On-line) Acta Endocrinologica (ISSN – 843 – 066X) Cirurgia – ISSN: 1221-9118 On-line, ISSN: 1842 – 368X , World Journal of Gastroenterology ISSN1007-9327 (print) ISSN 2219-2840(on-line)
  • O Conselho Editorial de: – Cirurgia – ISSN: 1221-9118 On-line, ISSN: 1842 – 368X

A Associação Ativa

  • A Associação Europeia de Cirurgia Endoscópica – desde 2004, o [Membro, nas NOTAS de trabalho de grupo em 2008 e 2009,um Membro do EAES de Educação e Formação de Comissão, e o Presidente da ETC de Associação-2011 A 2015, o Congresso, O Presidente, no dia 23 de EAES Congresso, um Membro da UEG E&T Comitê, representando EAES desde 2015];
  • A Sociedade romena de Cirurgia – desde 1992, Membro do Conselho de administração (desde 2014),
  • A Associação romena de Cirurgia Endoscópica –desde 2002 (Membro Co-Fundador, Secretário-Geral, De 2006 A 2013, e o Presidente Eleito, a partir de 2013 a 2015, a 8 de RAES Congresso, o Presidente, RAES, Presidente de 2015 ),
  • A Associação romena de Cirurgia Bariátrica – desde 2006 (Co-Fundadora),
  • A Fundação para Laparoscópica e Cirurgia Torácica – desde 1999 – (Co-Fundadora), a Federação Internacional de Cirurgia da Obesidade–desde 2005, o [IFSO-CE Comissão Europeia since2014],
  • A American Society for Metabolic and Bariatric Surgery (ASMBS) – desde 2010;
  • A Sociedade Europeia de Endoscopia Gastrointestinal – ESGE – desde 2007;
  • As Associações Internacionais de Gastroenterologistas, Cirurgiões e Oncologistas (IASGO) desde 2000;
  • A Sociedade Europeia de Nutrição Clínica e Metabolismo – ESPEN – desde 2006;
  • A Sociedade Médica de Inovação e Tecnologia – SMIT E. V. – desde 2009,o
  • O sudeste Europeu de Cirurgia Robótica da Sociedade – SEERSS (Co-Fundador-Membro) – 2010
  • A Sociedade romena de Coloproctologia (SRCP) – Membro Fundador (2009), Membro Honorário, 2016;
  • A Sociedade Europeia de Coloproctologia (ESCP) (desde 2012);
  • A Sociedade romena de Nutrição, Diabetes, Doenças Metabólicas – desde 2015;
  • O sérvio Sociedade de Cirurgia – Membro de honra – 2010.

Outros Compromissos em Organizações Profissionais – Eleito /Nomeado posições:

  • O Presidente da Associação romena de Cirurgia Endoscópica (2015-2017, 2017-2019)
  • Membro da UEG de Educação e Formação de Comissão (representando EAES) desde 2015
  • Membro do Conselho de administração da Sociedade romena de Cirurgia (2014 – )
  • Um Membro da Assembleia Geral do romeno College of Physicians – a partir de 2011 a 2015, 2016 –
  • Um Membro do Conselho Geral de Bucareste, Faculdade de medicina, desde 2016
  • Um Membro da cea-BS de Acreditação Comissão de Revisão de Excelência na gestão do b. m. s. em 2012
  • Membro do Comitê de Comunicação da IFSO-Capítulo Europeu – desde 2015
  • Membro do Conselho de administração do Comitê Internacional Bariátrica Clube (IBC) -2012

O Científico e a Comissão organizadora de vários eventos científicos (o mais importante):

  • O Presidente, no dia 23 de EAES Congresso Internacional,
  • A Sociedade romena de Cirurgia de Congressos (científica, comissão organizadora e presidente desde 2006)
  • Congressos da Associação romena de Cirurgia Endoscópica (científica, comissão organizadora, presidente desde 2005, e o 8º RAES Congresso, o Presidente). O Presidente do conselho Nacional Bariátrica & Cirurgia Metabólica Simpósio (sete edições, anualmente organizado em Bucareste, desde 2009, a), (a científica, comissão organizadora e presidente desde 2009). A Sociedade romena de Coloproctologia (SRCP) (científica, comissão organizadora e cadeira, 2010 -2016. O Quarto Congresso Internacional de Cirurgia Robótica – SEERSS (científica, comissão organizadora e presidente) em 2015, o Workshop Internacional de Cirurgia Rectal, Berlim, 2013

Os eventos Científicos da Faculdade e o Presidente (selecção):

EAES Congressos : Genebra,2010;Torino,2011;Bruxelas De 2012,em Viena,De 2013, de Paris,Em 2014,Em Bucareste,2015

IFSO Congressos, Em 2009,de Paris De 2010,em Los Angeles, De 2011,de Hamburgo,De 2012,Em Nova Delhi; 2013,em Istambul; De 2014,Montreal,2015,Em Viena; IFSO-CE, Congressos, Barcelona, 2012; Bruxelas,a Partir de 2014, o Internacional de Cirurgia de Obesidade Reunião de Peritos: Saalfelden, Áustria, 2007,2008,2009, 2010,2011,2012, 2013 E 2016) ; para Salzburgo,Áustria,2014

3º, 4º e 5º Consenso Internacional de Cúpula para a Gastrectomia vertical, de Nova York, 2010; 2012; Montreal, em 2014.

O Congresso dos portugueses Mini-invasiva Sociedade de Cirurgia de Maio de 2010, Viseu, Portugal A 11 de Panelhellenic Congresso, da 5ª Reunião Bienal Da Sociedade Israelense Para a Cirurgia Endoscópica, novembro, 25-26, de 2010, no Hotel Daniel, Herzlia, em Israel, em Reunião Conjunta com a Sociedade de Israel e de Cólon e Reto Cirurgia, a Sociedade Israelense de Cirurgia Endoscópica, o Israelita Fórum de Cirurgia Bariátrica, novembro, 2014, É O Segundo sérvio Congresso de Obesidade com participação internacional Zlatibor, de outubro de 9-12, 2014; Bariátrica & Cirurgia Metabólica do Congresso, Antalya, na Turquia, Em 2015, o Mediterrâneo Cirurgia Bariátrica Congresso, Turquia, Em 2015 ; o Congresso Internacional de cirurgia Bariátrica e Metabólica Cirurgia, em abril de 2016, Moscou, RU

Prebióticos, probióticos e antibióticos: papel na modulação da flora intestinal.

Microbiota do intestino, conhecido no passado que a flora intestinal pode ser modulada de uma forma directa, através do uso de antibióticos, probióticos e prebióticos.

Microbiota do intestino, um órgão em seu próprio

Microbiota do intestino, tem sido representado, nos últimos anos, o assunto de intensa investigação médica. Actualmente, muitas das funções que têm sido mostrados para ser atribuível ao permitido a sua interpretação como um corpo real da sua própria, a praticidade dos 4 órgãos do sistema digestivo.

Estudos recentes têm mostrado que as situações que são caracterizadas pelo desequilíbrio da microbiota (também conhecida sob o termo de disbiosis do intestino) associados com distúrbios gastrointestinais (síndrome do intestino irritável, doenças inflamatórias intestinais-doença de Crohn e a colite ulcerosa, doença diarréica associados com a terapia antibiótica, diverticulose do intestino), fígado e causar extraintestinais (alergias, obesidade, diabetes, etc.).

O sistema digestivo é constituído especificamente do tubo digestivo (esôfago, estômago, intestino delgado e intestino grosso), fígado e trato biliar, pâncreas, e microbiota do intestino. O trato gastrointestinal com uma barreira de células epiteliais, com uma área total de 200 m2, é o órgão com a maior exposição ao ambiente externo! O sistema digestivo está em contato constante com cerca de 1 kg de bactérias (cerca de 101⁴ micro-organismos, que contenham mais de 3 milhões de genes) que estão localizados no lúmen do intestino delgado. Microbiota do intestino tem um grande número de genes (microbiano do trato intestinal), maior o número do DNA dos humanos, mas é um complemento, o que cria uma sinergia de mútuo, perfeito. Este fascinante ecossistema, interferir com a manutenção da inflamação fisiológicas, modula o processo de absorção dos alimentos, e, ao mesmo tempo que protege contra a invasão de micro-organismos.

Microbiota do intestino possui as funções mais importantes para manter a saúde do corpo. Contribui para a manutenção da integridade da função de barreira da mucosa padrões intestinal-e é o principal estímulo para o desenvolvimento e bom funcionamento do sistema imune do trato intestinal. Por último, mas não menos microbiota do intestino é um biorreator no organismo que contribuem para a extração da maior quantidade de energia em alimentos e a influência das características específicas de psihocognitive do indivíduo. Tem sido demonstrado a existência de uma relação bidirecional entre os centros nervosos e a microbiota do intestino, o que é expresso na sinais do sistema endócrino, imunológico, nervoso. Estes são apenas alguns dos mecanismos potencialmente envolvidos na modificação da microbiota intestinal sob condições de estresse.

Microbiota intestinal-ii desempenha um papel importante no metabolismo de drogas.

Os fatores que modulam a composição da microbiota intestinal, são factores, genética, sexo, idade, nível de desenvolvimento do sistema imunológico do corpo humano, mecanismos fisiológicos, representado pela secreção de ácido gástrico, a secreção de bile, e pancreática, a função motora do intestino, e inúmeros fatores ambientais, incluindo dieta e infecções do aparelho digestivo.

O potencial para a terapia como resultado dessas descobertas, é enorme! Os estudos científicos que hoje são voltadas para a avaliação dos benefícios que você pode obter a manipulação da microbiota intestinal no tratamento de certas doenças sistêmicas, na modulação do metabolismo de drogas e suas influências sobre a cognitivo-comportamental nível.

O impacto de antibióticos, probióticos e prebióticos

Microbiota do intestino pode ser modulada de uma forma directa, através do uso de antibióticos, probióticos e prebióticos.

  • Os probióticos são micro-organismos que, quando administrados em doses adequadas para causar um benefício terapêutico para o host, reequilíbrio o equilíbrio microbiológico do organismo.
  • Prebióticos são ingredientes alimentares que provocam mudanças na composição e atividade da microbiota, conferindo-lhe uma vantagem sobre o host. Eles permitem que você para estimular o crescimento e a atividade das espécies de “boas bactérias” no intestino, com a forma reduzida das espécies patogênicas. Um dos mais eficazes prebióticos parecem ser o fruto-oligossacarídeos, como a inulina e oligofrutose. Estudos recentes têm demonstrado que suplementos com a oligofrutose levando a uma diminuição do apetite e a ingestão de energia, uma diminuição na concentração de lipídios, a promoção de menor peso e melhorar o controle glicêmico.
  • Os antibióticos são o meio mais importante para o tratamento de doenças infecciosas, sem que de qualquer forma interferir com as células do corpo.

A ação de um antibiótico, pode também determinar que uma alteração marcada sobre a microbiota intestinal, e o rompimento do equilíbrio da flora intestinal e o corpo do anfitrião, o deficiente metabolismo e a absorção de vitaminas, aumentando a permeabilidade intestinal a susceptibilidade a infecções, especialmente por fungos, e um aumento do risco de infecção pelo Clostridium difficile.

Em um momento em que eles são utilizados em nejudicios antibióticos podem alterar a microbiota do intestino, por outro lado, eles podem ser efetivamente usado em certas condições patológicas do trato gastrointestinal (doença de Crohn, síndrome do intestino irritável, diverticulose do intestino).

Microbiota do intestino e síndrome do intestino irritável

Síndrome do intestino irritável é um funcional comum, e é caracterizada por dor e /ou desconforto abdominal, que está associada a pelo menos duas das seguintes características : a) o alívio após a defecação; b) está associado a uma alteração na freqüência do assento (diarréia ou constipação); ou c) é associado com uma mudança na consistência de seus assentos. É uma causa importante de morbidade e mortalidade em países industrializados, com um impacto significativo sobre a qualidade de sua vida. As causas desta condição são multifatoriais. Os diversos casos de destaque até agora convergem em uma interrupção de comunicação bi-direcional entre o trato gastrointestinal e o sistema nervoso central. Há uma série de argumentos que suportam a função da alteração da microbiota intestinal (disbiozei o intestino) no início dos sintomas, na aparência de um hipersensibilitati, visceral ou condições inflamatórias do intestino mínima nesta condição. Esta evolução na fisiopatologia da síndrome do intestino irritável abrir novas perspectivas terapêuticas para o uso de probióticos, prebióticos, e até mesmo a alguns antibióticos na síndrome do intestino irritável.

Microbiota do intestino, e a doença inflamatória intestinal (a doença de Crohn e colite ulcerativa)

Doenças inflamatórias intestinais são doenças crônicas, o multi-fator que afeta o trato gastrointestinal e são representadas principalmente pela doença de Crohn e a colite ulcerativa.

Os mecanismos envolvidos nestes transtornos é ainda completamente conhecido. Em pessoas com uma predisposição genética estão a provocar uma resposta imune anormal e inadequada contra bactérias, vírus, alimentos interage com o aparelho digestivo, com a consequência de uma produção excessiva de mediadores da inflamação.

O tratamento da doença inflamatória intestinal não é curativa , com o objetivo de indução e manutenção da remissão, do alívio dos sintomas intestinais e extraintestinais, para melhorar a qualidade de vida, através da manutenção do status de adequação nutricional.

Estudos recentes têm avaliado a possibilidade de introdução de probióticos e prebióticos no tratamento da doença inflamatória intestinal. A hipótese, segundo a qual a microbiota do intestino desempenham um papel crucial na patogênese da doença inflamatória intestinal é um suporte do racional para o uso de antibióticos, probióticos e prebióticos.

Microbiota e diverticulose do intestino

Diverticulose do intestino, é reconhecida como um distúrbio comum, com a incidência crescente nos países industrializados, especialmente nos Estados Unidos e na Europa. Ela está associada a uma dieta rica em proteína, gordura e alimentos processados e baixa em fibras e obesidade. A incidência aumenta com a idade, e a freqüência de complicações .

As necessidades são representadas pela protrusão sacular da mucosa e submucosa em áreas de baixa resistência da parede do cólon.

Na maioria dos casos são assintomáticos, cerca de 20% dos casos apresentam sintomas de abdominal (dor) ou com complicações (episódios de inflamação dos divertículos-a diverticulite ou o sangramento do aparelho digestivo).

Descobertas de fisiopatológicos recurso que tem sido atribuído um papel fundamental na modificação da flora intestinal (disbiozei o intestino) , tanto para o aparecimento dos sintomas da doença diverticulare bem como na resposta ao tratamento.

O uso de antibióticos, probióticos e prebióticos na condição destinadas a modulação da flora intestinal, o que é afetado nesta categoria de pacientes, controle da inflamação e da permeabilidade do intestino e produzem gás.

Microbiota do intestino e doenças do fígado

O intestino e a microbiota do intestino estão envolvidos na patogênese e progressão de várias doenças do fígado doença hepática alcoólica, fígado gordo não,colangite esclerosante primária , e algumas complicações da cirrose do fígado, que são a encefalopatia hepática e peritonite bacteriana espontânea.

Fígado gordo nonalcoolic é a doença mais comum do fígado, a nível global, com uma prevalência de 3 a 10%, dependendo da idade, sexo, etnia, e outros fatores de risco.

Embora seja comum multifatorial microbiota do intestino desempenha um papel importante no desenvolvimento do fígado gordo nonalcoolic da simples acumulação de gordura para a inflamação do fígado.

A maior parte das doenças do fígado é caracterizado por alterações da microbiota intestinal, a função de barreira intestinal ou responsáveis pela translocação de bactérias do intestino para a corrente sanguínea. A modulação da microbiota intestinal representa um alvo terapêutico que pode ser útil na prevenção e no tratamento das afecções do fígado.

Microbiota do intestino, e tumores do aparelho digestivo

O papel da flora intestinal normal ou alterado, por exemplo, o intestino não é totalmente compreendido. Presume-se que a estreita relação entre as bactérias e a inflamação crônica pode interferir com o aparecimento das lesões da mucosa do intestino. A importância de inflamação crônica na indução de câncer colorretal é suportada pelos dados, confirmando a diminuição da incidência deste tipo de câncer relacionados com o consumo de antiinflamatoriilor nonsteroidiene.

Em particular, a presença de determinadas espécies bacterianas também podem ativar um número de mecanismos, inflamatórias, metabólicas e nutricionais capazes de promover o crescimento de tumores em um determinado nível.

Os sujeitos identificados com a “flora de carcinogenicidade” é suposto ser o alvo de ensaios clínicos terapêuticos em vista das alterações nesses fatores predisponentes através de dieta, o uso de prebióticos, probióticos e antibióticos, o que poderia levar a uma diminuição na incidência de câncer gastrointestinal, com um forte impacto sobre a saúde pública.

Microbiota do intestino, obesidade, resistência à insulina e diabetes mellitus.

A obesidade é uma condição que, com a incidência de continuar a crescer, especialmente nos países ocidentais, como resultado da alteração do equilíbrio de energia do corpo. Uma dieta hipercalorica, e a inatividade física são as principais causas da obesidade, mas a pesquisa recente sugere que, ao mesmo tempo que a flora intestinal desempenhar um papel no patógeno, importante na obesidade e síndrome metabólica e diabetes tipo II, porque pode influenciar o corpo e a absorção de nutrientes e de energia rendimento do metabolismo e inflamação. Para saber mais sobre o fígado gordo nonalcoolic.

Microbiota do intestino desempenha um papel fundamental, juntamente com fatores genéticos, epigenetici e fatores ambientais no desenvolvimento da obesidade, diabetes e resistência à insulina, em particular, o início da inflamação sub-clínica, que caracteriza esta condição e ajustando a absorção e o metabolismo de energia no corpo.

A modulação da última, em particular, através do uso de probióticos pode constituir um componente da estratégia terapêutica para o controle da doença , no momento, há estudos preliminares para a determinação da tensão exata-probióticos específicos e duração da administração que lhes são exigidas.

É necessário continuar com a realização de vários estudos científicos que vai permitir, no futuro, a modulação da microbiota intestinal como uma importante arma terapêutica na prevenção e tratamento de vários distúrbios gastrointestinais, e sistêmico.

Texto: Dr. Simona Grigoruta, Médico clínico geral, Gastroenterologia, Médico Especialista em Medicina Interna, Doutor em Medicina

Clínica | A Rainha Maria

Médico

Nas figuras, a saúde, a RAINHA MARIA, isso significa que: a 44ª hospital geral, em 6 hospitais, 4 centros de cuidados de dia, 3 mulheres, de 10 de saúde do campus, 26 centros de diagnóstico por imagem, 34 laboratório para a análise de um banco de células-tronco do próprio, e mais de 290 da clínica do parceiro no país.

A policlínica da casa de Ópera torna-se uma clínica na Luz

Você pode encontrar-nos em Avenida Iuliu Maniu rua, Nº 6 HORAS

43 policliniciin em Bucareste, e no tara1700 mediciechipa médica composta de mais de 1.700 mediciAfla mais multe70 specialitatipeste 70 medicaleAfla mais multe5000 investigatiiclinice e laboratorVezi preturi220 clínica partenerein todos os taraAfla mais multe11 centros de imagem para saber mais e mais

Bacau

No Campus do Médico, os pacientes terão acesso a mais de 15 especialidades médicas, e de 30 por médicos que tenham experiência no diagnóstico, tratamento e acompanhamento de pacientes com doença renal aguda ou crônica.

O pagamento do rateSpitalizareRezonanta magneticaTomografie computerizataParcareImagisticăMedic o familieRecoltare analizeAdresă: o Caminho do Romance, Nº 39Telefon móvel: 0752 500 300E-mail: bacau@reginamaria.roVezi mais detalhes

Brasov

O campus da assistência médica em Brasov é espalhada por uma área de 2000 metros quadrados e oferece o acesso a serviços médicos na clínica, hospital, maternidade, e de imagens médicas.

O pagamento do rateSpitalizareCelule StemRezonanta magneticaTomografie computerizataParcarePediatrieImagisticăgardămedic o familieRecoltare analizeFarmacieWifiAdresă Modelos. Iuliu Maniu, nr. 49, BrasovTelefon: 021 9268Telefon telefone: 0735.177.584 E-mail: brasov@reginamaria.roVezi detalhes da

A clínica também oferece acesso ao Centro de saúde ocupacional registros, médica e Psicológica, para a Segurança de Transporte de/ transportar uma Arma de/ para Obter ou renovar a carteira de habilitação, Medicina Interna e Neurologia.

A colheita analizeAdresă: Calea Bucuresti, Nr. 30Telefon: 021 9268Telefon telefone: 0732.000.006 E-mail: office@reginamaria.roVezi detalhes da

A nova clínica está centralmente localizado, apenas a algumas centenas de metros de distância do hospital e fazendo o melhor em nosso compromisso contínuo para sustentar a mais alta qualidade de atendimento.

Endereço: Str. Mihail Kogalniceanu, Nr. 16Telefon: 021 9268Telefon telefone: 0729.009.370 para Ver mais detalhes

Bucareste

A clínica, a Pérola está centralmente localizado, perto do hospital geral de Chamada, e o Hospital, Euroclinic e dá-lhe acesso a mais de 20 especialidades médicas, de investigação, o exame ultra-sonográfico, e a prática da colheita dos resultados dos testes.

A colheita analizeAdresă: Calea Dorobantilor Nr. 126 – 130, BucurestiTelefon: 021 9268E-mail: office@reginamaria.roVezi detalhes da

Centralmente localizado perto da Praça Victoriei, a clínica oferece acesso a mais de 20 especialidades médicas, e disponível a partir do dia 11 consultórios médicos estão equipados com modernos equipamentos e uma privada re

PediatrieRecoltare analizeAdresă da sociedade. Buzesti, nr. 75-77, etaj 3, Setor 1, BucurestiTelefon: 021 9268E-mail: office@reginamaria.roVezi detalhes da

A clínica, A LUZ dá aos pacientes no Centro de Pediatria e práticas dedicado para os adultos. Nós fornecemos os pequenos pacientes e seus pais e a sua equipe médica composta de médicos, um centro, uma coleção de referência de acesso das crianças à pesquisa e comodidades para as crianças e seus pais.

Endereço: Bulevardul Iuliu Maniu, Nr. 6HTelefon: 021 9268E-mail: light@reginamaria.roVezi detalhes da

Localizado no coração de Bucareste, o Floreasca área é a maior clínica na rede, no âmbito do qual a obra de seis centros de excelência em diversas especialidades, tais como as coordenadas de alguns dos mais respeitados e reconhecidos médicos.

O pagamento do rateRezonanta magneticaPediatrieRecoltare analizeWifiAdresă da sociedade. Ano Uricariul (entrada via a Rua. O hetman da Árvore) ,setor 1, BucurestiTelefon: 021 9268E-mail: office@reginamaria.roVezi detalhes da

Localizado num edifício histórico no centro de Bucareste, na policlínica do Enescu concorrência, oferecendo acesso a uma variedade de programas, pacotes e serviços especialmente concebidos para a saúde do adulto, bem como o

O pagamento do rateImagisticăMedic o familieRecoltare analizeWifiAdresă da sociedade. George Enescu, nr.14, setor 1, BucurestiTelefon: 021 9268E-mail: office@reginamaria.roVezi detalhes da

Localizado num edifício histórico no centro de Bucareste, na policlínica do Enescu concorrência, oferecendo acesso a uma variedade de programas, pacotes e serviços especialmente concebidos para a saúde do adulto, bem como os menores. Juntamente com a ampliação do hospital geral, Enescu B, colocar à disposição dos nossos pacientes o primeiro Centro para o diagnóstico de infertilidade masculina, no contexto da rede REGINA MARIA, Bucareste

PediatrieImagisticăRecoltare analizeWifiAdresă da sociedade. George Enescu Nr. 12, BucurestiTelefon: 021 9268Vezi detalhes

A abordagem é sem igual, na Roménia, é um médico dedicado às necessidades de cada doente, que vai coordenar todo o seu cuidado, até que a questão seja resolvida para a saúde do paciente

ParcareImagisticăWifiAdresă Da Sociedade. De iões de Ionescu de la Brad, nr. 5, setor 1, BucurestiTelefon: 0372100001E-mail: privatecare@reginamaria.roVezi detalhes da

Situado na Calea Dorobanti, em frente à rua do romeno nacional de televisão, Clínica de Indiana, estende-se por quatro andares superiores e piso térreo e oferece acesso a mais de 100 médicos, e cerca de 30 especialidades médicas.

O pagamento do ratePediatrieImagisticăMedic o familieRecoltare analizeWifiAdresă: Calea Dorobanti, nr. 240, setor 1, BucurestiTelefon: 021 9268E-mail: office@reginamaria.roVezi detalhes da

Localizado no norte da capital, na policlínica do Evento é parte do Campus médico, o Evento, junto com um hospital dedicado aos cuidados do centro de mulheres do estado da arte da imagem.

O pagamento do rateCelule StemRezonanta magneticaOsteodensitometrieRadiologie digitalaTomografie computerizataParcarePediatrieImagisticărecoltare analizeWifiAdresă da sociedade. De iões de Ionescu de la Brad, nr. 5, setor 1, BucurestiTelefon: 021 9268E-mail: office@reginamaria.roVezi detalhes da

A clínica oferece aos pacientes o acesso ao Centro de Medicina social e do ponto de amostragem entre os dois testes.

A colheita analizeAdresă: Floreasca Parque , Soseaua Pipera, Nº 43.1, BucurestiTelefon: 021 9268E-mail: office@reginamaria.roVezi detalhes da

A clínica Lujerului está localizado no distrito de Militar, ele tem 15 escritórios e oferece mais de 20 especialidades médicas, tanto para adultos e crianças.

O pagamento do ratePediatrieImagisticăMedic o familieRecoltare analizeWifiAdresă: Av. Iuliu Maniu, nr. 51, setor 6, BucurestiTelefon: 021 9268E-mail: office@reginamaria.roVezi detalhes da

Policlinica Sol Plaza está localizado no centro comercial Sol Plaza e ele tem uma grande investigação médica para adultos e crianças.

O pagamento do rateRezonanta magneticaRadiologie digitalaParcarePediatrieImagisticărecoltare analizeWifiAdresă: Calea Vacaresti, nr. 391, setor 4, centros comerciais Sun Plaza shopping, 2º piso, entrada pela alameda, BucurestiTelefon: 021 9268E-mail: office@reginamaria.roVezi detalhes da

Ele está localizado no prédio da Bucareste Negócio, Jardim, piso térreo, perto de Carrefour Orhideea.

O pagamento do rateParcareRecoltare analizeAdresă: Bucareste, Negócios, Jardim, (o Caminho da Terra. 159, bloco C, térreo, BucurestiTelefon: 021 9268E-mail: office@reginamaria.roVezi detalhes da

Localizado no Cotroceni bairro, a clínica oferece acesso a mais de 20 especialidades médicas, e uma grande variedade de investigação médica

O pagamento do rateRecoltare analizeWifiAdresă Molho. Cotroceni, não. 20, setor 6, BucurestiTelefon: 021 9268E-mail: office@reginamaria.roVezi detalhes da

Localizado em um dos maiores parques empresariais na área ao norte da cidade, nas proximidades do escritório, clínica Piper tem 11 escritórios, as horas de expediente, e uma ampla gama de especialidades médicas.

O pagamento do rateRecoltare analizeAdresă da sociedade. Dimitrie Pompeiu, nr. 9-9A, prédio 1, primeiro andar, setor a-2, BucurestiTelefon: 021 9268E-mail: iride@reginamaria.roVezi detalhes da

A clínica está localizada no parque empresarial de Bucareste, um Parque Empresarial e colocar à disposição dos pacientes, duas das mais populares especialidades médicas – Medicina Geral e Medicina do trabalho.

O pagamento do rateParcareRecoltare analizeAdresă Molho. Bucareste-Ploiesti, nr.1, bloco A, térreo, setor 1, BucurestiTelefon: 021 9268E-mail: office@reginamaria.roVezi detalhes da

Localizado na Universidade de Titu Maiorescu, a clínica é destinada a adultos e crianças, e ela dá a você acesso a uma vasta gama de especialidades médicas.

PediatrieRecoltare analizeAdresă: Calea Vacaresti, nr. 189, (no interior da Universidade de Titu Maiorescu, M de construção), setor 4, BucurestiTelefon: 021 9268E-mail: office@reginamaria.roVezi detalhes da

Clínica Senhora foi Fundada a colocar à disposição dos pacientes, 16 clínicas, e proporcionar o acesso a especialidades médicas, de acordo com a CAS, Medicina de família, e exames de ultra-som.

Endereço: Strada Doamna Ghica Str. 135, BucurestiTelefon: 021 9268E-mail: office@reginamaria.roVezi mais detalhes

Cluj-Napoca, Roménia

Clínica de Pasteur, acomodar 18 gabinetes médicos, e mais de 80 médicos experientes, treinados para cuidar e tratar os pacientes com diagnóstico de várias doenças.

O pagamento do rateParcarePediatrieImagisticăRecoltare analizeWifiAdresă da sociedade. Louis Pasteur nr. 24/72, Cluj-napoca NapocaTelefon: 0372 548 701E-mail: office.cluj@reginamaria.roVezi detalhes da

Clínica, o Museu, a colocar à disposição dos pacientes, além de uma gama de especialidades médicas, tanto para adultos e crianças e de um Centro de Reabilitação médica.

PediatrieRecoltare analizeAdresă: Strada Sextil Puscariu, Nº 2, Cluj-napoca NapocaTelefon: 0372 548 701E-mail: office3.cluj@reginamaria.roVezi detalhes da [#, Z], Radiologia digitalaAdresă da sociedade. O Centro Da Nº 1-3Telefon: 021 9268E-mail: office4.cluj@reginamaria.roVezi detalhes da

Nos escritórios, a nova e moderna, do centro médico da escola de medicina da inspecção do trabalho deve ser realizada para obter um emprego, obter regulares check-ups e re-avaliações.

A colheita analizeAdresă da sociedade. Teodor Mihali, Nº 42 a 44, 1º andar, Cluj-napoca nº telef.: 021 9268E-mail: medicinamunciicluj@reginamaria.ro para Ver mais detalhes

O constante

A clínica para as crianças, o sea world é um edifício principal de 2 andares, distribuídos em uma área de 600 metros quadrados, com 10 escritórios em 17 especialidades médicas e tem uma internação para tratamento e isolamento.

ParcarePediatrieRecoltare analizeAdresă Modelos. Mamaia, Nº 208, ConstantaTelefon: 021 9268Telefon móvel: 0733 445 011E-mail: constanta@reginamaria.roVezi detalhes da

Localizado no coração da cidade, a clínica oferece aos pacientes com mais de 30 especialidades médicas e inclui uma imagem de centro no qual eles podem realizar raios-x, mamografia, e osteodensitometrii.

O pagamento do rateOsteodensitometrieRadiologie digitalaParcareImagisticăMedic o familieRecoltare analizeWifiAdresă Modelos. Mamaia, nr. 16 – 16BTelefon: 021 9268 móvel: 0733 445 008E-mail: constanta@reginamaria.ro; maritimact@reginamaria.ro Consulte para mais detalhes,

Localizado nas imediações do Condado de Emergência Clínica do Hospital de Constanta, a clínica Gastromond colocar à disposição dos pacientes para um Centro de gastroenterologia, hepatologia e endoscopia digestiva, em que os pacientes tenham acesso a cuidados de especialidade e de testes de laboratório, de acordo com o CAS Constante, as investigações pelo perito na esfera da gastro, hospitalização por dia.

SpitalizareRecoltare analizeAdresă: B-dul Tomis Nº 143A, parterTelefon: 0341 991Telefon móvel: 0770 255 914E-mail: constanta@reginamaria.roVezi detalhes da

A clínica Pozimed está localizado no centro da cidade de Constança, e colocar à disposição dos pacientes, 18 de especialistas e de um laboratório.

ImagisticăRecoltare analizeAdresă da sociedade. Mircea cel Batran, Nr. 102Telefon: 0341.998 para Ver mais detalhes

Craiova

Localizado nas instalações do edifício Universitária, Clínica da Universidade é o primeiro médico privado centro de pediatria no preço e inclui uma ampla variedade de especialidades médicas, submetidos à no principal da mãe e da criança.

ParcarePediatrieRecoltare analizeWifiAdresă: Rua A. I. o Cuzão Nr. 16C (vizazi da Universidade), CraiovaTelefon: 021 9268E-mail: info@reginamaria.roVezi detalhes

Centralmente localizado, a clínica tem cerca de 20 escritórios e mais de 40 médicos e proporciona aos pacientes com uma ampla gama de especialidades médicas-atendimento ao paciente.

SpitalizareRezonanta magneticaPediatrieImagisticăMedic o familieAdresă da sociedade. Paltinis, Nº 1, CraiovaTelefon: 021 9268E-mail: office@reginamaria.roVezi detalhes da

Centralmente localizado, o centro oferece aos pacientes o acesso aos serviços de medicina do trabalho e de um laboratório clínico.

ParcarePediatrieRecoltare analizeAdresă: A. I. o Cuzão, não. 17, bloco M, 14, CraiovaTelefon: 021 9268 Veja mais detalhes

Iasi

A primeira médica do Campus de Maria, Rainha dos Jassy, colocar à disposição dos pacientes, 30 nos campos de médicos, laboratoriais e de imagem do centro.

A ressonância do magneticaImagisticăRecoltare analizeAdresă da sociedade. Grigore Ureche, Nº 3, ” a estrela da tarde, IasiTelefon: 021 9268Telefon telefone: 0736363953 / IRM 0737551353E-mail: iasi@reginamaria.roVezi mais detalhes

Co

Clínica de Co a colocar à disposição dos pacientes, um laboratório para exames e consultas especializadas para os provedores.

Médico familieRecoltare analizeAdresă: Strada Bucegi, Nr. 32Telefon: 021 9268Vezi detalhes

Washington

Centralmente localizado no piso térreo do edifício do Fórum de Negócios em Washington, a clínica Bratianu é espalhada por uma área de 500 metros quadrados, tem 12 escritórios, as horas de expediente, e de mais de 15 especialidades médicas.

A colheita analizeAdresă: Bulevardul I. C. Bratianu, Nr. de 48 a 52, PitestiTelefon: 021 9268Vezi detalhes

A clínica oferece aos pacientes o acesso ao Centro de Medicina social e de laboratórios de investigação médica, onde o equipamento médico e uma equipe de especialistas para aplicar os mais recentes métodos de ensaio de garantir a precisão dos resultados, e por um período o mais curto possível para libertá-los.

O pagamento do rateParcarePediatrieImagisticăRecoltare analizeAdresă da sociedade. O Grande Gelo. Sontu, bl. D2, no piso térreo (antigo loja, a Mãe, ou ao lado, o Hotel fornece), PitestiTelefon: 021 9268E-mail: office@reginamaria.roVezi mais detalhes

Tennessee

Localizado no coração da cidade, a nova clínica é de cerca de 300 metros quadrados e tem o 9º doutor escritórios de consultoria especializada e prática para a colheita de análise.

A colheita analizeAdresă: Republicii rua, Nº 6. bloco-33, térreo, PloiestiTelefon: 021 9268, 0244 51 00 51Vezi detalhes

Scottsdale arizona

Clínica de scottsdale, arizona, oferece acesso a mais de 15 especialidades médicas, exames clínicos, médicos e especialistas, e um laboratório para os exames médicos.

PediatrieRecoltare analizeAdresă da sociedade. R. I. Cuzão, Bl. FA21, no piso térreo, SlatinaTelefon: 021 9268E-mail: office@reginamaria.roVezi mais detalhes

Targu Mures, Roménia

O primeiro Campus Médico da Rainha d. Maria, em Targu Mures, é espalhada por uma área de 900 metros quadrados e está localizada nas proximidades da Universidade de Medicina e Farmácia.

A ressonância do magneticaParcarePediatrieImagisticărecoltare analizeAdresă da sociedade. Gheorghe Marinescu, Nº 49 Nós MuresTelefon: 021 9268Telefon móvel: 0722 62 22 44E-mail: targu.mures@reginamaria.roVezi mais detalhes

Timisoara

A Clínica Do Dr. Gand está localizado no centro de ofertas que você tenha acesso a mais de 15 especialidades médicas para os adultos, e uma ampla gama de exames para o diagnóstico e a avaliação.

ParcareMedic o familieRecoltare analizeAdresă da sociedade. Tomar O Nº 20Telefon: 0356 912Vezi detalhes

Ele está localizado no edifício da Cidade, o Centro de Negócios está no centro da cidade e fornece acesso a uma vasta gama de serviços de cuidados de saúde, com acesso a equipamentos e experiente equipe médica.

Médico familieRecoltare analizeAdresă: Strada Coriolan Brediceanu, Nº 10, Cidade, Centro de Negócios, Edifício 3(A-C), no Piso térreo, o Espaço é P5Telefon: 0356 912Vezi detalhes [#, Z]Medicina MunciiRecoltare analizeAdresă: Strada Coriolan Brediceanu, Nº 10, Cidade, Centro de Negócios, Construção de BTelefon: 0356 912Vezi detalhes

A clínica está localizada no 1º andar do Iulius Shopping centro comercial e é espalhada por uma área de 1.100 metros quadrados. m, proporcionando acesso a 25 especialidades médicas, tanto para adultos e crianças.

ParcarePediatrieRecoltare analizeAdresă da sociedade. Aristide Demetriade, n ° 1, no Iulius Mall shopping center, 1º andar, TimisoaraTelefon: 021 9268, 0372249182E-mail: timisoara@reginamaria.roVezi mais detalhes

Tulcea

A primeira Clínica da RAINHA MARIA, no município de Tulcea está centralmente localizado, que oferece aconselhamento especializado para adultos e crianças, e é um ponto de coleta.

PediatrieRecoltare analizeAdresă: Babadag Rua, Nº 16. bloco 10 , rés-do-chão, TulceaTelefon: 021 9268Vezi detalhes

Ele pode ser o menor exposição aos raios-X a partir da TC?

Sim, usando a tecnologia de DoseWatch. O aparelho do CT da Imagem de Maria, a Rainha de Bucareste e em todo o país foram recentemente equipados com esta tecnologia e a inteligência do dia moderno. DoseWatch é um aplicativo que monitora a dose de radiação, e ajuda a minimizar a exposição do paciente à radiação X.

As investigações do CT é repetido no caso de pacientes que necessitam de acompanhamento a longo prazo da doença ou para monitorar a resposta à terapia, pode ser a garantia, o qual é determinado pela irradiação dose. A tecnologia é DoseWatch, um software que acompanha uma dose de radiação ajudar a minimizar a exposição do paciente à radiação, até ao limite do razoável, para que a qualidade da investigação não será afetado.

Todos os detalhes do DoseWatch, e os benefícios dela, eu descobri do Dr. Paulo Biris, médico de cuidados primários, a radiologia e imagiologia médica, processamento de Imagens do Centro de Medicina do Campus em Brasov.

O que posso fazer para a Dose de Assistir?

Dose o Relógio significa uma espécie de “Big Brother” da investigação, rádio imagem, que opera por radiação. ele É um software que monitora constantemente a cada chumbo, coleta de dados, em termos de parâmetros de uso e da dose de radiação, sendo capaz de, finalmente, dar a estatística de dados pelo operador, juntamente com os físicos e médicos imagisti, você pode ajustá-lo de tal forma a reduzir ao máximo a dose de radiação para cada investigação, e a cada dispositivo na sua mão.

Tanto quanto eu posso ser, que reduz a radiação?

A redução da exposição à radiação deve ser feita em conformidade com os princípios ALARA – Tão Baixo quanto Razoavelmente Atenuantes tão baixo quanto possível, de forma razoável, a fim de minimizar a exposição. A redução na radiação podem ser feitas até o ponto em que não haverá interferência com a qualidade das imagens obtidas. O objetivo, no final, a investigação da CT é fazer um diagnóstico correto para ser para o benefício do paciente e reduzir a dose em si e para si. Certamente, existem protocolos que não precisam de você para alterar após a instalação do software, como eles são configurados muito bem desde o início.

Por que é importante para uma imagem de centro de investir nesta tecnologia?

A principal razão para isso é respeito para com o paciente, e o desejo de prestar serviços de alta qualidade, com redução de efeitos adversos ao máximo.

Quais são os benefícios de DoseWatch para o paciente?

O benefício para o paciente, é certo que nós, os médicos, nós podemos fazer isso, você não prejudiquem a qualidade da investigação, a prestar um exame de muito boa qualidade, mas com o máximo de redução da irradiação.

Quais são os benefícios de DoseWatch médicos imagisti?

O benefício para o médico, a satisfação, para ser capaz de dar a você a melhor opção em termos da relação entre a qualidade da imagem e, assim, a qualidade do resultado e a dose de radiação recebida.

O que a distingue é um CT que teve essa tecnologia para o futuro?

Software, DoseWatch pode ser instalado em qualquer um dos CT, a fim de reduzir ao mínimo a radiação inútil devido às definições erradas características de cada protocolo, explorando uma parte. Há uma ligação entre o desempenho do dispositivo e a tecnologia DoseWatch.

Que tipo de exames pode ser aplicado DoseWatch?

DoseWatch pode ser aplicado a qualquer tipo de investigação, imagens médicas envolvendo raios-X, e o padrão de exposição.

Existe um custo adicional para o paciente?

Eu não.

O uso indevido DoseWatch sobre a qualidade/ resultado da investigação para o CT?

Ele pode influenciar a qualidade e, consequentemente, como resultado, quando a interpretação dos dados fornecidos por este software será feito apenas por um médico ou por um médico. Um quer a qualidade, e o outro quer reduzir a radiação. No entanto, se esses dados devem ser analisados em uma equipe, em uma tentativa de estabelecer um equilíbrio entre a quantidade e a qualidade da imagem, a qualidade do resultado da investigação será um sucesso.

Quais são as vantagens da investigação do CT?

  • Brevemente, as vantagens da Tomografia computadorizada são:
  • A aquisição de imagens rápidas de alguns minutos, o rosto de algumas dezenas de minutos, e no caso da ressonância magnética
  • A prestação de informações, além daquelas fornecidas pelos métodos de x-ray do clássico (x-ray, cistografia, urography, myelography, diagnóstico, exames, raio-x, dedicado para o trato digestivo)
  • A disponibilidade de mais
  • É um não-invasiva e indolor
  • O preço é mais acessível do que o rosto, a imagem por ressonância magnética

Quais seriam as limitações e desvantagens da investigação?

As desvantagens estão relacionadas ao envenenamento por radiação, e a reações adversas ao contraste com base em iodo.

O que significa para uma dose demasiado elevada no caso da investigação do CT para este paciente?

Não há “muito”, se a indicação do particular verifica, o CT está ligado à terra, e para ajudar a estabelecer um diagnóstico e, por extensão, o tratamento adequado da doença. Para um paciente que é uma vez na vida uma exame de um computador tomografica, a dose de radiação não é perigoso. Em contraste, para os pacientes que necessitam de investigações, repetidos, como os pacientes de câncer – o problema da radiação é muito importante, e em alguns casos, o risco de desenvolvimento da doença, os danos colaterais induzidos pela irradiação é maior.

Entrevista gravada por Delia Budurca, Médico Sênior do Editor

O DESEMPENHO da ENFERMAGEM: de 9 anos, com um dermoid cisto de mediastino volumosos, que tem crescido rapidamente – ressecção é completa cirúrgica minimamente invasiva toracoscopica

Uma equipe de cirurgiões, radioterapeutas, torácica, e pediátrica a ser removido no Ponderas, Hospital universitário, para um tumor maior do que o peito de um de 9 anos. A intervenção foi realizada minimamente invasiva vídeo-thoracoscopy, e ele supostamente formação para o pré-operatório completo, uma estratégia para a cirurgia de precisão, e um tipo especial de anestesia. Vídeos-disciplina é internacionalmente aceito de crianças como uma forma segura e eficaz, a fim de avaliar a biopsia de gânglio sentinela, e, em muitos casos, a ressecção de lesões no mediastino anterior, mas na Roménia, embora seja utilizada em adultos, raramente é usado em crianças. A operação terminou após cerca de duas horas, sem nenhum problema ou complicação, tocar o outro, e o propósito original – que é para ficar segura, e completa do tumor, sem danificar as estruturas vasculares e nervosas ao nível do mediastino.

O treinamento e a experiência do grande equipe de médicos, cirurgiões, bem como o estado de toda a operação da Ponderas, Hospital universitário, tornou possível para nós, como é o caso do que para ser capaz de praticar cirurgia minimamente invasiva forma, no nível do peito, como pode ser recebido em qualquer lugar do mundo, nos hospitais de referência. Dario tem recuperado muito rapidamente, no terceiro dia após a cirurgia, ele estava em casa, e uma semana mais tarde, ele foi capaz de voltar para a escola. A aparência histológica foi compatível com a maturidade de uma teratoma mediastinal, sem ter de provar os elementos de um tumor maligno. Para Dario, isso significava que a cirurgia foi curado, o tumor foi removido em sua totalidade, é de uma natureza benigna, com as chances de reincidência são muito pequenas.

Eu estava pronto para ir com Dario, em Viena, mas o médico que o examinou disse que temos uma alternativa para o país – e o médico. Victor Tomulescu!

Dario, com a idade de 9 anos de idade com infecção respiratória alta, baixa repetido, foi investigada através de imagens de CT, em um ano, para a avaliação de bronquiectasias e foi diagnosticado com um tumor no mediastino anterior, em [#, Z] perto do coração da esquerda. No curso de um ano, o tumor cresceu rapidamente em tamanho de 9 mm para cerca de 7 cm.

Tudo que eu sempre quis, foi para Dario para ficar melhor, recuperar mais rapidamente após a cirurgia. Na internet eu descobri que os tumores do mediastino em crianças pode ser realizada minimamente invasiva. Que é quando eu procurava uma solução para isso. Eu só queria sair de la com Dario, em Viena. No entanto, médicos, pediatras, ou cirurgiões, da cifose dos fornecedores que tenho consultado com Dario, eles dizem, nós temos uma alternativa para o país – e o médico. Victor Tomulescu.” foi-nos dito que a mãe de Dario.

Dr. Victor Tomulescu , é um dos mais experientes cirurgiões plásticos na Roménia, a cirurgia abordagem minimamente invasiva – torácica e a abertura de tumores de mediastino anterior, mais de 100 casos de adultos e crianças e trabalha dentro da equipe do Prof. Dr. Irinel Popescu, em Fundeni clínica do instituto e Ponderas, Hospital universitário. Ele tem uma experiência importante thymectomy toracoscopica para miastenia gravis. Uma série de casos tem sido publicado em revistas médicas são importantes – Anais da Cirurgia, Anais de Cirurgia Torácica, etc.

Avaliação pré-operatória completa. Estratégia de precisão cirúrgica. A anestesia da tarde.

[#D]a tomografia computadorizada (TC) de verificação do tórax revelou uma missa em sua ovalara, o tamanho da 6.7/6.2/5.2 cm. A lesão foi bem encapsulado, e ter uma estrutura, neomogena, fibrose cística, com septos, e contido no interior do componente e do líquido, e a gordura. O tumor estava localizado nas imediações das estruturas vasculares, delicada, com o efeito da massa do último, com a redução do discreta tamanho dos vasos. Ele foi localizado no mediastino anterior, no lado esquerdo, e comprimir o pulmão nas proximidades e alguns dos maiores navios no pulmão, mas sem ter que invadir.

Para tirar uma fotografia com mais detalhe, antes da cirurgia, a investigação do que tinha sido cheio com o importante – , a fim de destacar uma possível invasão do coração e vasos sanguíneos, e uma série de exames de sangue específicos, incluindo beta-HCG e da alfa-fetoproteína (AFP), os marcadores útil no diagnóstico diferencial com os tumores do mediastino embrionários de neoplasias malignas.

Vídeo-a disciplina tem sido aceito para o internacional para as crianças como uma forma segura e eficaz, a fim de avaliar a biopsia de gânglio sentinela, e, em muitos casos, a ressecção de lesões no mediastino anterior. Na Roménia, embora seja utilizada em adultos, a disciplina não é normalmente utilizado em crianças. O treinamento e a experiência do grande equipe de médicos, cirurgiões, bem como o estado de toda a operação da Ponderas, Hospital universitário, tornou possível para nós, como no caso de Dario, para a prática da cirurgia toracoscopica, como pode ser recebido em qualquer lugar do mundo, nos hospitais de referência.” – ela disse-nos o Dr. Tomulescu.

“Temos sido muito, muito bom, pré-op e preparei uma estratégia para a cirurgia em mais detalhes, em que temos levado a uma cirurgia, cirurgia minimamente invasiva , o que nos permitiria obter o teste para o exame anatomopatológico,em um cenário de pior caso, até exereza de oncologia do tumor. Eu estava pronto, a qualquer momento, se a situação o exigir, para fazer a conversão para cirurgia aberta. Uma parte importante da imagem-ele tinha um médico, um anestesista, Dr. Mihaela Agache, que aplicou uma técnica especial para dreno de tórax, o que permitiu o cirurgião de acesso para o pulmão, e ter uma abundância de espaço para trabalhar, porque o tumor era grande e a comprimir os vasos sanguíneos. A fim de evitar a possível contaminação dos tecidos saudáveis, o tumor foi retirado do peito através de uma toracotomia esquerda, o mínimo para cerca de 4 cm, é colocado em um recipiente especial (endobag), ferida de bala do peito também é protegida por um tipo especial de departator (protector da ferida), e pode ser ajuste desta forma, a dimensão da mais pequena da ferida. A operação terminou após cerca de duas horas, sem nenhum problema ou complicação intra-operatória, versus e o propósito original – que é para ficar segura, e completa do tumor, sem danificar as estruturas vasculares e nervosas ao nível do mediastino.” – explicamos para o Dr. Victor Tomulescu.

A ressecção cirúrgica completa minimamente invasiva toracoscopica do teratoma mediastinal

Neste caso, o médico para a equipe cirúrgica, o desafio foi baseada no fato de que o tumor era muito grande, em comparação com o tórax do irmão mais jovem de 9 anos de idade, o espaço para a dissecção e manipulação da lesão é um dos reduzido. A operação foi realizada por uma infestação de mínimo. Temos usado o de 3 portas de trabalho (incisões), menos de 1 cm, e após a ressecção do toracoscopica para a formação do tumor foi realizada uma incisão de cerca de 4 cm, a fim de que o tumor pode ser derivada em termos de segurança. A canção de ressecção amostras foi assim, entre as costelas são deixados na posição de anatomia, sem o uso de um departator de metal. Desta forma , não houve feridos, as costelas, a dor do pós-operatório que o torna muito fácil de controlar. Uma vez que a operação foi realizada com a invasão, no mínimo, após a operação de Dario, veio e ele se recuperou muito bem. No primeiro dia após a cirurgia, a criança foi pego com facilidade para fora da cama, com o mínimo de dor que impôs muito pouco restrição de movimento. A drenagem do derrame pleural foi suprimida no segundo dia após a cirurgia, na ausência de perdas de ar ou as condições do fluido, e , no terceiro dia, Dario foi lançado.” ele nos disse que o Dr. Felix Dobritoiu, um médico especialista, um cirurgião torácico, com formação e experiência no thoracoscopy.

O exame histopatológico confirmou que o tumor era benigno (não canceroso), e contém cabelo, glândulas sebáceas, tecido, brônquica, cartilagem, osso, músculo e tecido adiposo. A aparência histológica foi compatível com a maturidade de uma teratoma mediastinal. Eu, foram destacados os elementos de evidência histológica de malignidade no material examinado. Para Dario, significa que a operação foi curado – o tumor foi removido em sua totalidade, é de uma natureza benigna, e que as chances de recorrência são extremamente baixos. Dario vai estar de volta no controle, e ele será monitorado nos próximos 2 anos, a fim de se certificar de que tudo está em ordem.

UMA EQUIPE DE MÉDICOS E CIRÚRGICOS

  • O chefe de Obras, Dr. Victor Tomulescu, médico cirurgião Geral, Médico em Ciências Médicas, com especialização em cirurgia oncológica. Um dos mais experientes cirurgiões plásticos na Roménia, a cirurgia abordagem minimamente invasiva – torácica e abrir de tumores do mediastino acima. A experiência é importante na thymectomy toracoscopica para miastenia gravis. Mais de 100 adultos e crianças. Uma série de casos publicado na revista da profissão de enfermagem (Anais da Cirurgia, Anais de Cirurgia Torácica, etc.).
  • Dr. Felix Dobritoiu, Especialista em Cirurgia do Tórax, o direito de competências em thoracoscopy e mediastinoscopie. Mais de 100 mediastinoscopii/ videomediastinoscopii. Mais de 350 a cirurgia toracoscópica.
  • O Dr. Dan Cristea, Que É Um Médico Especialista Em Cirurgia Pediátrica
  • Dr. Mihaela Agache, um Médico Especialista em Anestesia e cuidados Intensivos
  • Dr. Smarandita Lacau, Médico de cuidados Primários, a Radiologia e Imagiologia Médica, o Doutor em Ciências Médicas. O Diploma do European x-ray. A experiência da importância da imagem no advanced cardiac: Tomografia computadorizada, de Coração, a Ressonância Magnética Cardíaca, doenças de
  • Dr. Mariana Coman, Médico Radiologia e Imagiologia Médica. A experiência é importante em uma ressonância magnética em crianças
  • Dr. Amy Bardi, md, Pediatria, Doutor em Ciências Médicas, a competência em ecocardiografia pediátrica
  • Dr. Michaela Zugravu, Especialista Em Pediatria,

Para saber mais sobre tumores de mediastino anterior, e teratomas no mediastino

O mediastino é a região, localizado no meio do peito, entre os pulmões e contém muitas estruturas vitais em um espaço que é limitado e de difícil acesso.

A região do aspecto anterior do mediastino, localizado entre o esterno e o coração e grandes vasos também contém a glândula do timo, e é o lugar comum de tumores de thymic. A este nível, e a outros tumores comuns são os linfomas e os tumores de células germinativas.

Tumores de células germinativas no mediastino

Aproximadamente 4% de todos os tumores de células germinativas são localizados no tórax, e, em particular, no mediastino anterior. Tumores de células germinativas no mediastino surgir a partir de células do germe da primitiva características de células embrionárias humanas destinada à produção de esperma e ovo de células que não tenham migrado completamente no decorrer do desenvolvimento do germe eu tenho. Ele reuniu-se especialmente às crianças e aos jovens e representa 15% dos tumores de mediastino anterior em adultos.

Dependendo do tipo de célula, tumores de células germinativas são divididos em 3 grupos:

  • Teratomas, benigna
  • Seminoame
  • Tumores do embrionários (maligno teratomas, ou tumores de não-esperma – coriocarcinoame, teratocarcinoame, basal do tronco, etc., para produzir os marcadores sorológicos, bem como o alfafetoproteina (AFP) e coriônica humana (beta-HCG), e a sua determinação para ajudar no diagnóstico)

Teratoma benigno do mediastino

De tumores, germe de tumor do mediastino, teratoma cisto, é a mais comum.

Teratoma é um tumor que contém os elementos de tecido diferente do órgão onde eles crescem e onde eles estão vindo de um ou todos os três ao total da haste:

  • Outros: de que ela é formada, a nível dos tecidos, dos brônquios, dos intestinos e do pâncreas
  • Mesoderma: na forma da cartilagem e do osso.
  • O Ectoderm: que forma a pele, dentes, cabelo

Teratoma pode ser encapsulado, e a cápsula pode ser calcificada. O conteúdo é sebáceas, oleosa, gelatinosa, e, por dentro, eles podem ser identificadas nos seguintes tecidos: o epitélio intestinal, brônquica, osso, cartilagem, pâncreas, nervoso, tireóide, etc. Teratomas podem ser madura quando as células são bem diferenciadas, semelhantes aos da normal (organoide, osso, cartilagem, músculo) ou juvenil, se a diferenciação não for concluída, ou está em processo de conclusão.

Teratomas no mediastino podem ser identificados no TC como uma massa neomogena, que contém tecido conjuntivo, gordura, cálcio e fluido.

A maioria dos teratoamelor transtornos tem um período de latência clínica prolongada, quando o paciente não apresenta sintomas, e a descoberta pode ser feito por exame de raio-x, e não ao acaso. Porque, com freqüência, eles crescem lentamente, eles deixá-lo fora muito tarde, pelas manifestações, devido à compressão de órgãos vizinhos. Muitas vezes, as crianças têm dificuldade em respirar, tosse e infecções respiratórias recorrentes. Outros sintomas incluem dificuldade para engolir, dor no peito e febre.

A remoção cirúrgica é completo, é o mais importante fator prognóstico.

Conselheiros: Dr. Victor Tomulescu, md, cirurgia-geral, Dr. Felix Dobritoiu, especialista em cirurgia do tórax

Fontes de informação:

  • Abordagem minimamente Invasiva para Pediátrica do Mediastino, Massas, Angela Maria Hanna, SÁBIOS,
  • Cirurgia minimamente Invasiva para Tumores Pediátricos – Atual Estado-da-Arte, Jörg Fuchs, Christel Schafbuch, Martin Ebinger, Jurgen, F., Schäfer, Guido Seitz, e Steven W. Warmann, Frente Pediatr, 2014
  • Toracoscópica Abordagem Pediátrica do Mediastino, Massas, Angela M. Hanna, Brandon VanderWel, Os SÁBIOS Manual de Pediatria, Cirurgia Minimamente Invasiva, em 2016
  • Mediastino teratomas em Lares de crianças relatórios e revisão da literatura, William Paradies, Francesca Zullino Antonio Orofino Samuel Leggio, Ann. Ital. Chir., 2013

Para mim, a primeira ideia é a abordagem laparoscópica, e, se indicado, a laparoscopia SILS

A fim de dar a seus pacientes exatamente o que eles precisam, quando eles estão sofrendo uma cirurgia de recuperação mais rápida, o mínimo de complicações, o tempo de internação mais curto e os resultados estéticos, o Dr. Bogdan Barta para escolher, a cada momento, a abordagem de cirurgia, com a cirurgia minimamente invasiva. Dr. Barta, médico clínico geral, cirurgião geral, Chefe da Divisão de Cirurgia Geral do Hospital, Euroclinic, a primeira intenção, a cirurgia é a laparoscopia, se indicado, a laparoscopia SILS. Pelo método da SILS, a operação é realizada através de um único orifício natural do corpo – “a cicatriz do cordão umbilical”, de acordo com como este, tanto quanto possível, a integridade do corpo.

Na Roménia, Phd. Bogdan Barta é um cirurgião com grande experiência em laparoscopia SILS

Uma grande quantidade de meios operação, a experiência, e essa experiência significa melhores resultados para o paciente. Em 2012, quando ele retornou para a prática da medicina na Roménia, Phd. Barta foi realizado no Hospital, Euroclinic de mais de 850 cirurgia laparoscópica através do umbigo, usando o SILS. Este é um número significativo destas intervenções, mesmo quando comparado com a experiência de outras equipes de outros países. Mesmo que as vantagens são da net, incluindo a laparoscopia, a clássica, na Roménia, são muito poucos os especialistas que realizam esta técnica. Até agora, a maioria dos po são feitos como eles são para a remoção da vesícula biliar – colecistectomia laparoscópica SILS, mas há também algumas outras indicações.

Você é o primeiro, o cirurgião tem introduzido na Roménia a abordagem laparoscópica SILS, e um dos poucos que tem a prática nos eua. Onde você aprendeu essa técnica, e como ele cresceu e expansão no próximo, e possivelmente a nós?

Eu não acredito que eu sou o primeiro, mesmo que seja possível, mas eu definitivamente acho que temos o maior número de intervenções realizadas SILS. Eu já vi essa técnica na Bélgica, onde trabalhei por 2 anos e, em seguida, em 2011, eu assisti a uma palestra de um médico que inventou um instrumento para este procedimento, o Dr. Giovanni Dapri, as ferramentas que eu uso, e agora, mesmo que eu me adaptei e mudaram um pouco de técnica. É muito interessante que o cirurgião, depois de um curto período de tempo, após o curso que eu tirei em Bruxelas, foi convidado para realizar uma palestra, no sentido de o Congresso da sociedade romena para a Cirurgia de exame Endoscópico na cidade. Eu pensei, sinceramente, que isso vai se tornar uma rotina diária na Roménia para os próximos 5 anos. Ele não era assim.

Apesar das óbvias vantagens, na Roménia, a prática estabeleceu-se um pouco, e é tudo muito pouco é aplicada pelo cirurgião. Por quê?

Porém, para mim, é bastante procedimento de rotina, eu tenho que dizer que é um procedimento fácil, você tem que se acostumar a ele, ao sair do conforto da laparoscopia, um clássico, com os instrumentos colocados a uma distância, e você tem que caber em um espaço relativamente pequeno, o cabo, o apinhamento dos instrumentos e, portanto, move-se de menor alcance. Eu não tenho ainda uma explicação de por que o método não é muito utilizada na Roménia.

Como muitas vezes acontece, que se aplicam na França, a Bélgica, a oeste da Europa, onde você tem aprendido e praticado desta forma? É uma regra ou uma exceção, possivelmente, na patologia da vesícula biliar?

Em todas as grandes universidades da europa e eua, pelo menos em termos de patologia da vesícula biliar, há muitos exemplos de cirurgiões que têm utilizado o método da SILS. Ele não é um procedimento de rotina, nem lá, mas não é inédito para nós. Hoje, há um congresso internacional de cirurgia, sem a seção dirigida ao SILS. Há exemplos de cirurgiões (claro, estamos falando de centros de referência, como é de Estrasburgo), que ampliaram as indicações do procedimento, SILS em patologia, área de oncologia de cólon e bariatrie.

O que você vê como o futuro em termos de localização de SILS em cirurgia geral?

Em geral, a cirurgia não é uma área que eu não fique em um só lugar. Tornou-se altamente dependente em equipamentos de alta tecnologia e de como os fabricantes são, é claro, por sugestão do cirurgião, estão vindo em uma base permanente com a proposta técnica que está a ser avançada, agora estou convencido de que esta técnica vai ficar mais refinado e você vai ter mais e mais soluções. SILS virá, mais cedo ou mais tarde, em seu arsenal, habituar-se a um cirurgião e laparoscopist.

Como o método da SILS (Única Incisão Cirurgia Laparoscópica)?

SILS ou cirurgia laparoscópica, através da incisão, o único umbilical ocorreu contra o pano de fundo da evolução, a fim de que ele queria seguir o máximo possível a integridade do corpo. Inicialmente, o desejo de ser minimamente invasiva, têm sido propostos para as intervenções do NOTES (natural orifice cirurgia endoscópica) que está em busca de fazer várias ressecções dos órgãos intra-abdominais sem a incisão abdominal, os instrumentos foram introduzidos no estômago, transoral, como endoscopia digestiva alta, com um corte que é feito ao nível da parede do estômago, ou transvaginally, através de uma incisão na vagina, sendo esta possível somente no caso das mulheres, é claro.

Estes métodos têm sido acordado pela família, como a introdução de um risco inaceitável para o paciente, e o equipamento necessário é muito complexo e a técnica é trabalhosa. Contra o pano de fundo da falha, mas mantendo o conceito de um produto de LIMPEZA, é proposto SILS, instrumentos para a cirurgia laparoscópica para ser introduzido através do umbigo, o buraco onde ele estava antes mesmo de nascer, é um buraco para o real, ao longo de todo o caminho para o cordão umbilical. Basta chamar que buraco “a cicatriz de cordão umbilical,” e, para mim, é o local ideal para o acesso à cavidade abdominal.

Quais são os benefícios da SILS em comparação com a cirurgia laparoscópica padrão, e, possivelmente, para que o clássico, abrir?

As vantagens de manter apenas por respeito tanto quanto possível, a integridade do corpo; uma pequena incisão no umbigo permite-lhe hoje para fazer as operações que a versão clássica é feita por incisões, uma muito alta, não vamos esquecer o feio, complicado incisão subcostala o direito – as admissões para o longo prazo, ou mesmo em laparoscópica e clássica, feita pela 3-4 ou múltiplas incisões de 5 a 10 mm.

A principal vantagem deste procedimento é uma técnica minimamente invasiva cirurgia laparoscópica, além da estética, muito popular, e não apenas os jovens, mas também dos ativos, está relacionado com o pós-operatório de recuperação muito rápida. O paciente está sendo operado durante a manhã, à noite eles equipa, a potência activa, e eu acho que é, no mínimo, 75% deles seria capaz de ser descarregada na mesma noite. Até agora, os pacientes têm a cirurgia SILS, então, eu chequei o 2º dia após a operação. Após a cirurgia há uma necessidade de uma medicação é importante para a dor, ou para o controle de outros sintomas, e como uma pessoa que é capaz de trabalhar rapidamente após a cirurgia, todas as funções do corpo entram em mais rapidamente volta ao normal após a cirurgia, isto é, se eu vou ou não, um monte de estresse para o seu corpo. A inclusão Social, a rápida para o paciente, e esta é uma vantagem significativa da intervenção, em um momento em que o trabalho é muitas vezes mais importante do que sua saúde.

O que a cirurgia é feita através do método de laparoscópica SILS?

A principal indicação é a colecistectomia laparoscópica SILS – a remoção da vesícula biliar, doença, as formas de crônica, litíase, bem como as formas de complicado colecistite aguda. No Hospital, Euroclinic, lidar com a rotina diária de ambas as doenças, por este método.

Além disso, nós, através da SILS apendicectomia, chistectomiile linha, esterilização, tubal, biópsias, intra-abdominal, ressecções aderentelor pós-operatório, é porque existem intervenções que são muito bem adaptado a este tipo de abordagem.

E por último mas não menos importante, o uso da laparoscopia SILS para fins de diagnóstico, quando for caso disso.

Fora de 850 cirurgia laparoscópica SILS, o quanto eles significam para os diferentes tipos de cirurgia?

Mais de 95% do tempo, eles foram representados por colecistectomia laparoscópica SILS, em ambas as formas, crônica e aguda. O resto é dada para as doenças mencionadas acima.

Explicar a técnica de colecistectomia laparoscópica, SILS, que é a prática?

Após a incisão / corte a pele, estritamente no nível do umbigo, fazer com que o espaço na parte superior do músculo, percebendo a bola para fora da coisa (introdução de CO2 para a cavidade abdominal) e inserir uma agulha no olho (por que eu vou ver ele, com a ajuda de uma câmera, intra-abdominal) e o 2 ferramentas que eu posso dar ao luxo de fazer a cirurgia, essas 2 ferramentas são as ferramentas, o particular curvo, não em linha reta, dando a você a oportunidade de observar, em certa medida, o princípio da triangulação. Após a retirada da vesícula biliar, da mesma forma, a técnica, de segurança e em laparoscopia, a clássica, a extração da vesícula biliar é através do buraco de onde você inseriu a câmera na cavidade do corpo e após o encerramento/sutura desses pequenos defeitos muscular restaurar o umbigo, incluindo a concavidade de, por meio de uma técnica própria e, em seguida, pode “esconder” a cicatriz pós-op a este nível.

Ele pode ser aplicado para SILS, e em uma cirurgia de ressecção do tumor?

Em teoria, sim. Na prática, é muito complicado, como, por exemplo, para a ressecção de tumores do cólon, que é executado a partir do direito, através de cirurgia laparoscópica, há a necessidade de pelo menos 4-5 lado para o trabalho, que os instrumentos estão localizados em diferentes partes do abdômen; se é, eu operam pelo método da SILS, que seria uma imagem de um determinado instrumento, através de uma abertura na sola. Há uma proposta deste tipo, de cirurgiões, de oeste para o colectomiile SILS procedimento bariátrico SILS. O que resta para o futuro, para determinar se tais propostas serão colocadas em prática em larga escala.

SILS é realizada para o diagnóstico?

Você pode ver em os exames, avançado (CT, MRI, PET, tomografia computadorizada, etc.), há ainda situações em que não conseguimos obter um diagnóstico, não importa quantas investigações que realizamos. Exemplo disso é a síndrome de dor de abdominal de etiologia não especificada, onde a laparoscopia é um bom valor diagnóstico, e então, é claro, e a terapia.

SILS responder muito bem a essa necessidade, é para chegar a um diagnóstico de onde a investigação não-invasiva, que falhou, e o que ele pode oferecer, ao mesmo tempo, e a solução cirúrgica para uma condição de, no mínimo, o paciente.

A aparência da cicatriz após a cirurgia é SILS?

Se, em um par de semanas após a cirurgia, quando o produto é a cura completa, alguém vai olhar para o abdômen de um paciente SILS, de modo que ninguém vai perceber que ele teve a cirurgia. A cicatriz fica praticamente escondida na concavidade do umbigo, e, geralmente, não ultrapassa o marginiile-los.

Como os pacientes reagem após a cirurgia, SILS, eventualmente, quando eu posso ver como ele se sente, como ele se parece com uma cicatriz, etc.

Eles são, naturalmente, satisfeito com essa proposta é que nós fazemos pré-op, mas eu estou muito surpreso e feliz ao descobrir que tudo o que eu já disse na avaliação pré-operatória relacionada à aparência do umbigo, e a versão da recuperação, ele realmente corresponde à evolução do pós-operatório.

Quais são as limitações do método? Quando você não pode usar, ou não foram resolvidos?

As limitações do método são dadas pelo fato de que SILS não cumprir com o princípio da norma na cirurgia laparoscópica, a clássica, e que é o princípio da triangulação. Temos sido ensinados que os nossos 3 ou 4 trocartes/ instrumentos inserida no abdômen, para que possamos trabalhar sobre ele a partir de fora, como um balão, ele tem que ser definido correspondentes aos vértices de um triângulo. Na teoria, por meio de um único furo, você não pode trabalhar com 3-4 ferramentas, um longo, um clássico.

É por isso que, ele não pode ser usado quando você tem uma necessidade de se ter instrumentos em diferentes partes do abdômen, como em oncológica cirurgia laparoscópica. Na cirurgia da vesícula biliar, você não pode ir para SILS, por isso, se você precisa explorar o caminho da vesícula biliar e em cirurgia de emergência SILS deve ser usado apenas por aqueles que têm experiência com diferentes SILS.

Quais são os riscos?

Os riscos são muito pequenos, de modo que a “pior coisa que pode acontecer é você ter que digitar os trocartes, instrumentos adicionais, você quer dizer “você”, por laparoscopia é um clássico. Antes, quando realizamos a cirurgia laparoscópica dos clássicos, que não trabalho, eu tinha que converter ele para “abrir” o paciente, hoje, em SILS, para a conversão apenas supor que você está indo para fazer a laparoscopia, a clássica, que é a de operar através de uma mais miniincizii.

Uma deficiência no mínimo, eu diria que, na minha experiência, não são muito raros os casos em que há necessidade de converter a partir de SILS durante a laparoscopia, a clássica. Às vezes é necessário deixar um dreno, como uma testemunha do que está a acontecer após a cirurgia e, em seguida, fazer uma incisão, adicional de 3 a 4 mm, onde entra a drenagem.

Tendo em conta as vantagens e as limitações da SILS, se você compará-lo com a cirurgia laparoscópica, a clássica e a cirurgia aberta, no nível do paciente, em uma escala de 1 a 10, onde você está?

É muito difícil para mim responder. Eu sou um pouco tendencioso. Muitos anos trabalhando no setor privado, e tentar sempre ser como métodos não invasivos em minha abordagem da cirurgia, a fim de dar aos nossos pacientes o que eles querem resultados estéticos, recuperação mais rápida, o mínimo de complicações, tempo de internação, curto, etc., Que eu tenha mudado a mentalidade da cirurgia. Para mim, a primeira ideia é a abordagem laparoscópica, mas se você pode, fazer a laparoscopia SILS. Eu vou admitir que nem sempre isso é possível, o melhor exemplo disso é a pacientes chegam com uma torcida intestino, “baixo”, onde você tem que vir para cima com um clássico cirurgia em primeiro lugar.

A fim de responder a pergunta, mas a realidade é que não vou ter a cirurgia, sem a vesícula biliar (aguda ou crônica) por 7 anos, desde que eu estive novamente no país menos uma vez ao ano. Então, eu não vou ser capaz de relatório para você a partir de hoje a cirurgia aberta. Podemos ouvir ainda as consequências do cirurgião, do tipo “não foi uma colecistite aguda, fomos para a direita em aberto, não teria trabalhado no seu colo”, o que para mim é completamente inaceitável. Eu sei que existem alguns equívocos e um monte de cirurgiões que trabalham em hospitais públicos, eu acho, sobre o setor privado de que tratam apenas os casos mais simples, e que “só o estado” opera em casos complexos … … vai ser muito surpresos ao observar a patologia de que tratamos.

Como você avalia a decisão de voltar para servir no país? Quais são os prós dessa ação? Mas os contras?

Eu não lamento que eu voltei a trabalhar na Roménia. Esta mudança de mentalidade, além de aprimorar as habilidades da cirurgia, ele foi adicionado, a parte mais importante da experiência de países estrangeiros. O que disse, o desejo de proporcionar ao paciente cirúrgico, o mais avançado método de viver o momento, tornou-se uma meta de quase obsessiva para mim. Eu tenho sido capaz de desenvolver meus projetos que são originais, talvez não tão rápido como eu gostaria, mas, em qualquer caso, o médico particular nos dias de hoje, me mantiveram de pé e me deu toda a conveniência da tecnologia é necessário.

De contras, acredito que muito poucos, estão mais relacionadas com o fato de que eu não estou bem no meio de ti, se eu digo para mim mesmo. Vamos ser honestos, o tempo exato da cirurgia é dada pelos cirurgiões do oeste, e mesmo se eu estou muitas vezes em cursos ou conferências do lado de fora, depois de 7 anos, no meu regresso, eu sinto que eles estão colocando em uma lacuna. No entanto, os pacientes podem ficar tranquilos : eu não perder a minha formação que eu estou de volta, e eu sempre tenho projetos em que estou trabalhando, que colocamos em prática para o benefício de seus próprios.

Entrevista gravada por Delia Budurca, Médico Sênior do Editor

Pacientes tratados em um Centro de Excelência em Cirurgia de Hérnia tem benefícios significativos

Hoje, nós temos os modernos métodos de tratamento de hérnias, que são adaptados para o caso particular em mãos. O Centro de Excelência em Cirurgia de Hérnia de Ponderas, Hospital universitário, hérnias, simples e complexas, são tratados de acordo com os protocolos e padrões de qualidade para o paciente, é uma série de vantagens, tais como segurança, complicações reduzido, e uma diminuição no risco de reincidência. Dr. Jim Hutopila, médico especialista em cirurgia geral nos diz sobre o significado de excelência no tratamento de hérnias.

Ponderas do hospital universitário é o primeiro hospital na Roménia, onde foi acreditado pelo Centro de Excelência em Cirurgia de Hérnia de Surgical Review Corporation (SRC) nos estados unidos. Quais são os benefícios para o paciente que está sendo operado em um Centro de Excelência em Cirurgia de Hérnia?

Não muito tempo atrás, a hérnia foi pensado para ser feito pelo paciente e também o médico, “apenas uma hérnia” , e que o tratamento é considerado como uma trivial e fácil de fazer em todos os departamentos de cirurgia geral, e sem um traço de cuidado pós-operatório. A curto, variada, e satisfazer, no que diz respeito à recorrência da hérnia operado (recaída), levou a uma reconsideração da maneira em que eles estão sendo cuidados. Assim, no tempo presente, o moderno tratamento da hérnia é feito sob medida para o paciente e é implementado por um programa que é executado no centro de cirurgia de hérnia.

A missão do Centro de Excelência em Cirurgia de Hérnia é dar ao paciente o melhor tratamento possível para a situação particular em que ele está localizado, com o melhor pós-operatório, resultados, imediato e remoto. A única coisa que está acontecendo no centro, através da implementação e o cumprimento de protocolos e padrões de qualidade estabelecidos pelo sem fins lucrativos Surgical Review Corporation (estados unidos). De particular importância é a condição obrigatória para o controle de qualidade dos resultados do tratamento cirúrgico, o qual é baseado na busca do active pós-operatório e regular pacientes. Os resultados obtidos são utilizados para o propósito de melhoria contínua dos métodos de tratamento.

O centro de Excelência em Cirurgia de Hérnia é construído de acordo com uma série de exigências: ter o equipamento e os instrumentos para os cirurgiões para ser dedicado para as doenças do material, o simples e o complexo, através do conhecimento e prática de todos os tipos de procedimentos (por meio do clássico, laparoscópica e robótica), para a realização de um grande volume de cirurgias, e para participar do programa de educação médica continuada centrado na patologia da hérnia, para estar disponível para uma equipe multidisciplinar (médico, um médico radiologista, um gastroenterologista, um cardiologista, um diabetologist, nutritonist, um cirurgião plástico, e o cirurgião bariátrico/metabólica); deve haver protocolos em relação ao pré-cirúrgica de avaliação, anestesia, táticas, cirurgias e acompanhamento pós-operatório, e o último mas não menos importante, para ser um ativo de informação e de educação para o paciente sobre a doença e o tratamento.

Tudo isto faz com que os resultados finais obtidos no âmbito de um Centro de Excelência em Cirurgia de Hérnia: a segurança do paciente, para aumentar a eficiência do tratamento, complicações reduzida, e a diminuição da percentagem de recidivas.

Alguns dos casos, complexos hérnias, que pode não ter sido capaz de ser tratado no hospital, eu estou indrumate por uma equipe de cirurgiões do Centro da Excelentain a Cirurgia de Hérnia?

A orientação de difícil casos de hérnia pelo Centro de Excelência em Cirurgia de Hérnia não é uma coisa que apenas acontece. Isso é uma consequência natural desta atitude, porque existem todas as condições necessárias para realizar um tratamento ideal. A rotulagem dos casos, como uma “difícil”, ela é composta de dois pontos de vista: a condição local de/eventratiei (recidivata, estar sozinho com a perda do direito a uma casa) e geralmente relacionados com o estado clínico do paciente (cardiovascular, respiratório, distúrbios metabólicos, obesidade, etc.). O mais difícil é quando vemos ambos os casos, no mesmo paciente, e isto raramente acontece.

Assim, os casos de vários hérnia recorrente, que tinha sido anteriormente utilizados em procedimentos cirúrgicos, com ou sem a “malha” você sabe, para beneficiar o Centro de Excelência em Cirurgia de Hérnia pela experiente equipe de cirurgiões que são treinados para realizar todos os tipos de técnicas operatórias: a clássica, laparoscópicos e robóticos. Além disso, há a possibilidade de escolher um material, uma malha sintética é adaptada à situação de cada paciente individual. Temos todas as versões do tecido: sintético, composto e fatores biológicos.

O segundo aspecto a fazer a diferença, é responsável pela gestão das doenças associadas a estes pacientes, e que na maioria das vezes, eles são controlados em muitos casos. No âmbito do centro de pré-op é feito para uma completa avaliação do paciente e está tentando obter o controle de tais transtornos por uma equipe multidisciplinar de médicos imagisti, gastroenterologistas, cardiologistas, diabetes, nutritonisti, cirurgiões, bariatrici, etc., Por exemplo, para uma determinada situação, e o mais comum é o de um paciente com uma hérnia do abdômen, e a obesidade, e para a resolução de uma correção cirúrgica de hérnia exige condições especiais adequado para o peso do excesso. Em ordem para um reparo mais correta possível e com baixo risco de recorrência, é necessário que o primeiro passo a ser feito no objetivo de perda de peso para que o nutricionista e o cirurgião bariátrico fazem parte da equipe multidisciplinar que se preocupa com tais pacientes.

Quando você precisa de uma cirurgia de hérnia?

Uma vez diagnosticada hérnia, o tratamento é apenas a cirurgia, e o tempo de cirurgia deve ser o mais cedo possível, antes que o desenvolvimento de complicações.

Por definição, a hérnia é um defeito na parede abdominal, um “buraco” em seus músculos, feridas que não cicatrizam espontaneamente, e para o qual não há não-operatório de tratamento (drogas, cintos de segurança, dor de estômago, exercício físico). Portanto , a evolução natural da presença de uma hérnia não tratada é o aumento do tamanho e da probabilidade de ocorrência de complicações que podem ser fatais. Neste caso, o seguinte procedimento cirúrgico remédio está se tornando mais e mais difícil, tornando a recuperação mais lenta, com a possibilidade de uma cura, de qualquer forma incorreta.

Quais são as complicações que ele pode ter uma hérnia não for tratada?

Através do buraco na parede muscular do abdome pode ser incapaz de participar externo, os órgãos da cavidade abdominal (intestino grosso, omento – tecido gorduroso, a bexiga, a trompa de falópio trompas de falópio, ovários). As complicações que podem ocorrer estão relacionados com a dor do corpo que entrou em uma hérnia. O intestino delgado é muito móvel e, portanto, mais muitas vezes ele passa a ser hérnia. Assim, se um corpo inserido no “buraco” no músculo fez-ligado (“cola”), que não pode mais retornar para o abdômen, e considera-se que a hérnia é complicada pelo encarceramento (hérnia, o encarceramento). Além disso, se um órgão no abdômen, entra em hérnia e é firmemente de forma que o sangue está sendo bloqueado, e eu não entendo, parece que a hérnia estrangulada. Esta pode progredir para isquemia (“morte”) do órgão afetado, e se ele tem o intestino, que pode causar até a perfuração para a ocorrência de peritonite. A Hérnia de estrangulamento e peritonite deve ser tratada como uma emergência!

Quais são as opções para o tratamento cirúrgico da hérnia existem?

O Centro de Excelência em Cirurgia de Hérnia, no entanto, os pacientes com hérnia de todas as variantes do tratamento cirúrgico, baseado no clássico de técnicas e manter-se atualizado com os mais avançados métodos compatíveis com os avanços tecnológicos da corrente de cirurgia laparoscópica e cirurgia robótica. A diferença entre essas duas técnicas é representado principalmente pelo modo em que o cirurgião “fica” na hérnia, se são ou não são utilizados para “compensação”, a fim de fortalecer o defeito, e onde eles estão localizados, eles são.

Cirurgia ou iniciado o tratamento para um nódulo sob a pele

Cirurgia ou abrir o tratamento da hérnia envolve fazer uma incisão para o único, o grande, o tamanho adequado da hérnia. Através desta incisão, ele entra para o abdômen e reparar o defeito, com ou sem prótese de malha. Se ele é usado para colocar, existem alguns diferentes tipos de cirurgias, dependendo do que é conveniente colocar a frente do músculo (na parte de trás, entre as camadas ou em cima do músculo). A versão mais aceita é a retromuscular (atrás do músculo). Na cirurgia aberta, a dissecção das amplas camadas da parede abdominal, trazer uma série de inconvenientes relacionados com a evolução da dor pós-operatória mais rápida, eficiente previsão, local de complicações e a taxa de recaída aumenta.

A cirurgia laparoscópica para o tratamento de um nódulo sob a pele

A cirurgia laparoscópica para o tratamento da hérnia é uma técnica de cirurgia minimamente invasiva. Ele consiste em fazer uma pequena incisão (3 mm a 10 mm), sem a necessidade de incisão única, grande traumática que a cirurgia está aberto para você. A realização de uma área de trabalho no abdômen, injetando-se o dióxido de carbono e o cirurgião pode ver para dentro com a ajuda de uma câmera de vídeo de imagens em monitores de alta resolução, que são dispostos em torno do paciente. É através desses pontos de acesso, o cirurgião pode inserir os instrumentos que são específicos para a laparoscopia, a cirurgia é realizada na “volta” da hérnia visível no abdome do paciente. Em teoria, quando os defeitos dos parietais são pequenos, a técnica laparoscópica pode ser realizada sem prótese em parietal, mas, na prática, é recomendado o uso de “net” para todos os tipos de hérnias abdominais, independentemente do tamanho da coisa. É mostrado que a presença da malha reduz o risco de uma recaída!

A abordagem cirúrgica para a articulação, por laparoscopia, em primeiro lugar e, em seguida, o clássico

No caso de uma hérnia de/eventratii grande, a abordagem cirúrgica pode ser um misto, por laparoscopia, em primeiro lugar e levar para a fixação da malha e, em seguida, o clássico, para a retirada do saco herniário (os assim-chamados de casa da hérnia) – neindepartarea ele também pode ser a fonte de alguns dos locais de complicações após a cirurgia.

Cirurgia robótica para o tratamento de um nódulo sob a pele

Outra opção para a cirurgia minimamente invasiva de tratamento para um nódulo sob a pele é composta de cirurgia robótica. O Centro de Excelência em Cirurgia de Hérnia, utilizamos a versão mais avançada do sistema robótico do mundo, o Robô da Vinci Xi. Além das vantagens dos produtos da laparoscopia é o padrão, o uso do robô para o cirurgião, trazer um lucro importante, apesar de ter sido a visualização de um real 3D-HD, e ele aumentou mais de 10 vezes pelo uso de ferramentas especiais-miniatura dobrar-se e girar melhor que a mão humana, um resultado que consiste em melhorar a precisão e controle. Estes benefícios técnicos são uma adição na escolha da cirurgia robótica para o tratamento de hérnias na difícil e eventraçoes recorrente, para que a solução encontra-se na reconstrução do complexo da parede abdominal.

O material da prótese de – “a rede”

O material da prótese (“o site”) é escolhida de acordo com a situação específica de cada paciente, o cirurgião, tendo em vista o tamanho da hérnia, se é primária ou recidivata (eventratie), expostos ou não, bem como o lugar em que eles devem ser colocados em relação ao músculo. Assim, há uma grande variedade de malha, sintética, composta e de fatores biológicos, que podem ser adaptados às necessidades de cada doente.

Dependendo da escolha dos fatores é a escolha de uma determinada abordagem cirúrgica para o tratamento de uma hérnia? Existem orientações específicas para cada tipo de operação, ou de todas as hérnias podem ser tratadas em um clássico ou laparoscópica?

Não há nenhum método único para a abordagem cirúrgica que é ideal para o tratamento de qualquer tipo de hérnia, e qualquer um dos pacientes. É por isso que é imperativo que a escolha da solução é a cirurgia realizado com um paciente, o cirurgião que tem a experiência, a consistência, tanto a cirurgia aberta, especialmente na cirurgia laparoscópica. Tendo em conta os benefícios da aproximou-se minimamente invasiva, e quando não há contra-indicações para a anestesia geral, a primeira capa da cura da hérnia é a laparoscópica. Há duas indicações no tratamento das hérnias de primário (não faz mal que eles não se têm feito): hérnia de hiato, epigástrica, umbilical, femoral, hérnia inguinal, e especialmente aqueles de inguinal bilateral, por um lado, e a hérnia de abdominal recorrente, após a cirurgia, por outro lado. O abdômen da cicatriz após a cirurgia aberta não são contra-indicações para a cirurgia laparoscópica, enquanto o procedimento é realizado por uma equipe experiente. Uma nova fase da cirurgia é minimamente invasiva, é representado por cirurgia robótica, que também encontra seu lugar nos processos de reconstrução da parede abdominal, para hérnia recorrente.

Quais são os benefícios para o paciente de uma cirurgia, a cirurgia laparoscópica de hérnia?

Todas as vantagens técnicas oferecidas pela cirurgia laparoscópica é afectada pela qualidade da cirurgia, e o funcional e o estético, os resultados são superiores para o chirugiei abrir para o parietal. É tudo sobre a dor do pós-operatório diminuída pós-operatório, cicatrizes de pequenas complicações do parietal reduzida e menos infecções de ferida, de recuperação do jogo, com a retomada do trabalho rápido. Outra vantagem técnica que a laparoscopia é lidar com pessoas de outras condições da cirurgia de abdômen. Em particular, na declaração de operações para as hérnias de inguinais, unilateral, a técnica laparoscópica permite o diagnóstico e o tratamento, enquanto, ao mesmo tempo, da hérnia por outro lado, desconhecido para a clínica de pré-operatório (cerca de 30% dos pacientes tinham hérnias inguinais nedurereoase, não pré-op e no lado oposto).

O que é a preparação pré-operatória do paciente?

Um precursor para a cirurgia para curar a hérnia é necessária, uma avaliação da condição do paciente, através de exames de laboratório, exames clínicos, de imagem e de consulta inter-disciplinares em uma base de caso a caso. Isso é necessário, a fim de identificar e melhorar ou corrigir os fatores que podem dificultar o processo de cura. Assim, as chances de um bom resultado de medidas, tais como a cessação do tabagismo, controle do diabetes, peso corporal, correção da desnutrição, bem como melhorar a função do coração e o sistema respiratório.

Antes de admissão para cirurgia programada, todos os pacientes são submetidos a um teste de rastreio pela pele para identificar a pré-operação de Aureus Aureus MRSA – uma bactéria resistente ao tratamento com antibióticos comuns. Um monte de pessoas são portadores dessa bactéria, que pode ser responsável pela infecção da ferida cirúrgica, e até mesmo a contaminação da malha. Para os pacientes que são definidos como portadores, e aplicar um protocolo para a recuperação por até 7 dias antes da cirurgia.

Pedro, a maioria dos pacientes, o treinamento no dia anterior à cirurgia, é mais do que apenas uma dieta lichidiana. Raramente, pode haver situações em que é necessário para o esvaziamento dos danos causados para o intestino delgado.

Na manhã da cirurgia, o paciente é permitido comer ou beber, e eu vou configurar uma porta para o meds pré-op. Sua pele estará preparada, dependendo do tipo de cirurgia, através da remoção do cabelo no abdômen ou na região púbica. Isso será feito em um local wc, e o global no chuveiro usando uma esponja com betadine.

Quais são os possíveis complicações é a cirurgia laparoscópica de hérnia?

Os tipos de possíveis complicações são semelhantes aos da cirurgia aberta (dor crônica, complicações, parietal e geral), e a diferença, e, portanto, a vantagem é representada pela percentagem de menor de complicações, quando a intervenção é realizada por laparoscopia. Este benefício aumenta significativamente se o procedimento é realizado em termos de um Centro de Excelência em Cirurgia de Hérnia. A taxa de complicações é de 65 por cento menor em comparação com a intervenção realizada na ausência de tais instalações.

O que é o eventratia (hérnia incisional), e como ele é tratado?

Eventratia ou uma hérnia incisional, é uma ruptura que ocorre no nível da cicatriz pós-operatório. Com freqüência, isso ocorre após a cirurgia para o clássico, e muito menos freqüência após a cirurgia laparoscópica. Eventratia pode ser de um tamanho diferente, dependendo do estágio de desenvolvimento (pequena, grande, grande, grande). O único tratamento é a cirurgia, que pode ser tradicional ou laparoscópica, e o material preferido para o reforço da parede da “net”. No caso em que o defeito é grande e o musculoaponevrotice não pode estar perto do outro, então é necessário praticar uma técnica para a separação dos componentes, a fim de manter uma boa funcionalidade da parede abdominal. A abordagem laparoscópica é a primeira escolha de tratamento, porque você só levar a um trauma de baixa estruturas, e permite o posicionamento das redes em ótimas condições. Estou muito satisfeito com as questões técnicas, o que poderia levar a uma recuperação mais rápida.

O que é a hérnia é gigante, e como ele é tratado?

A Hérnia é gigante, essa é uma forma de a lógica evolutiva das hérnias abdominais não são tratados a tempo, que já passou por todas as fases do bidimensional a partir de um tamanho inicial de pequeno até grande. Os pré-requisitos para a ocorrência de uma hérnia de gigantes são as mesmas de qualquer das hérnias (congênita e a pressão tosse crônica, constipação, obesidade, etc), a falta de corrigi-lo no tempo, permitindo-lhe alcançar alguns de escala ao extremo. A hérnia de gigantes, na maioria das vezes, eu estou com a “perda do direito a um lar” (seus órgãos rompido eu não tenho espaço para voltar para o interior do abdómen). O tratamento cirúrgico da hérnia-o gigante é um desafio para a equipe ter a cirurgia, a abordagem laparoscópica tem uma maior proporção de baixo. A técnica cirúrgica é aceite consiste na separação dos componentes da parede abdominal, e a utilização de reforço de malha.
O que é uma hérnia recidivata, e como ele é tratado?A Hérnia recidivata, como o nome sugere, é a recorrência da hérnia após o reparo cirúrgico foi. O tratamento é a cirurgia, de preferência laparoscópica, se a operação desde o início foi a clássica (abrir). O argumento da escolha dos métodos cirúrgicos é o fato de que a cirurgia laparoscópica é realizada sobre o outro lado da parede da cavidade abdominal, onde as estruturas são alterados, permitindo que a qualidade com a prótese em bom estado.

Se a hérnia foi reparado, a necessidade de nossos pacientes a voltar para os controles, pós-operatório?

Independentemente do tamanho da hérnia, tipo de hérnia, cirurgia, a técnica utilizada, é importante que os pacientes vêm para obter checkups regulares após a cirurgia. Tanto mais se a técnica usada foi mais complexo, com a reconstrução da parede abdominal, que têm criado novos espaços em que podem desenvolver-se a uma acumulação de fluido. A avaliação do paciente deve ser em clínica e imagiologia (ecografia das partes moles, ou de outras investigações, dependendo da situação), a fim de avaliar a situação da ou na parte de trás da camada muscular do abdômen.

Além disso, a presença da malha, no interior do corpo devem ser monitorados até que a integração é completa. Visa manter a posição da malha, e a identificação de casos possíveis é limitado por uma reação de rejeição.

Na evolução do pós-operatório pode haver situação em que a cura é errado, em especial as complicações do parietal (seroame, hematoma, infecção), para o qual o tratamento mais adequado e aplicar em tempo hábil para evitar danos à rede. Desta forma, ele pode ser impedido por uma parte da recaída material.

Ele é o mais complexo caso da hérnia de que você fez uma cirurgia?

Para um caso complexo que requer a participação de muitos colegas de várias especialidades, e para mostrar o valor de equipas multi-disciplinares de dentro do Centro de Excelência em Cirurgia de Hérnia, é o de um paciente, um homem jovem com uma superobezitate mortífera, duro de ambulantes, que haviam sido transportados para os eua para o tratamento de uma hérnia umbilical recorrente, tamanho grande, com a perda do direito a um lar. Mesmo se eles vieram para a resolução de hérnia, depois de uma avaliação justo, eu descobri que o paciente está em uma condição de saúde é difícil, com um maior risco de complicações, o que pode comprometer a operação. O inquérito concluiu que a paciente tinha a apnéia do sono grave, diabetes mellitus tipo 2, não diagnosticada, com altos níveis de açúcar no sangue, insuficiência venosa com edema de partes importantes dos membros inferiores. Neste caso, consideramos que é necessário para melhorar as condições fora de seu controle através de tratamento médico e, em seguida, através da realização de uma gastrectomia, corte longitudinal (redução do estômago). O paciente foi seguido por cerca de 1 ano agora, a tendência é muito boa, com a normalização dos níveis de glicose no sangue, diminui a importância do peso-e, implicitamente, a redução do volume de hérnia. Assim, o reparo da hérnia foi realizada em bom estado geral e local, laparoscópica e a evolução tem sido positiva, sem complicações.

Uma grande satisfação, temos cada vez e sempre que o paciente retornar para check-ups regulares de pós-operatório, e ele está nos dizendo sobre os passeios que fazemos diariamente.

Osteoporose – a doença do “silêncio” em que você tem que estar ciente de

A osteoporose é uma doença que afeta o sistema esquelético. Os ossos tornam-se tão frágeis que uma simples queda ou até mesmo ações, o óbvio, como se curvando ou a tosse pode causar uma fratura. O mais comum de fraturas associadas à osteoporose ocorrem no quadril, punho, ou coluna.

Embora afecta principalmente as mulheres, a osteoporose ocorre, incluindo os homens. Eles têm um risco maior de desenvolver a doença, as mulheres, os indivíduos brancos e meninas asiáticas, especialmente as mulheres mais velhas que estão passando pela menopausa.

Que esforço?

Eu não sei exatamente qual é a causa da osteoporose, mas nós sabemos como a doença ocorre. O osso é um tecido vivo, dinâmico, em constante mudança. Em ordem para que os ossos permanecem fortes ao longo da vida, seu corpo remove os antigos ossos e substitui-a por uma nova. A infância e a adolescência são os períodos do essencial quando você está a formar a nossa tabela de ossos, os ossos crescem, tornam-se mais e mais forte, e esse padrão continua até os 25 a 30 anos atrás, quando eles atingem o pico de massa óssea. Após esta idade, o osso é submetido a um processo contínuo de formação e destruição, o que lhes permite permanecer saudável. No entanto, quando você bater a 40 ou 50 anos de idade, este equilíbrio está mudando, como não é possível mudar assim que o osso é removido. Este efeito é ainda mais acentuado no caso das mulheres nos primeiros anos após a menopausa, quando perdem a proteção do hormônio estrógeno.

Se eu pudesse dar uma olhada no interior do osso, ele ficaria como um favo de mel. Quando você tem osteoporose, os espaços dentro do favo de mel se tornam maiores, e o osso que forma o fino. Além disso, ele faz você parecer mais magra, e a capa externa do osso. O osso torna-se fina e frágil, permitindo que as fraturas para o.

O risco de desenvolvimento de osteoporose depende, em parte, o quanto de massa óssea alcançou antes da idade de 30 anos. Quanto mais você tem, mais osso, mais você tem menos chance de fazer a osteoporose-como nós, envelhecem.

Fatores de risco para a osteoporose

Os dois principais fatores que contribuem para o risco de osteoporose são o género e o início da menstruação até a menopausa. Nos primeiros anos após a menopausa, as mulheres podem perder até um quinto de sua massa óssea. Existem outros fatores de risco adicionais, tais como estilo de vida, estado de saúde e uso de certos medicamentos.

Fatores de risco que não podem ser alterados:
• O sexo – as mulheres são mais propensas a desenvolver osteoporose do que os homens.
• Idade – o risco para a osteoporose aumenta com a idade
• Raça – mulheres de raça branca ou asiática origem, estão em maior risco de osteoporose
• História familiar – pessoas que têm casos de osteoporose na família, especialmente se os parentes de ter sofrido uma fratura de quadril têm um maior risco de osteoporose
• A constituição da física e os homens e mulheres de pequena estatura, tendem a estar em maior risco de osteoporose
• Os níveis de hormônio – a osteoporose é mais comum em pessoas que são demasiado alta ou demasiado baixa, certos hormônios, como os hormônios sexuais, hormônios da tireóide, e os hormônios secretados pelas glândulas supra-renais

Fatores de risco que podem ser modificados:
• A dieta – o risco de osteoporose é maior em pessoas com baixa ingestão de cálcio, distúrbios alimentares,
• O uso de esteróides e certos medicamentos – o uso a longo prazo de corticosteróides interfere com o processo de reconstrução do osso. Além disso, a osteoporose tem sido associado com os medicamentos utilizados para o controle ou prevenção de doenças, tais como convulsões, refluxo ácido, câncer e rejeição de transplantes
• Outras doenças – o risco de osteoporose é maior em pessoas que são diagnosticadas com: doença celíaca, doença inflamatória intestinal, doença renal ou doença hepática, lúpus, câncer de próstata, o mieloma múltiplo, a artrite reumatóide.
A falta de movimento
• Consumo excessivo de álcool
• Não fumadores

Sem sintomas até a ocorrência da primeira fratura

Geralmente, as pessoas que estão nas fases iniciais de perda óssea não têm quaisquer sintomas. Na maioria das vezes, o primeiro sintoma é a ocorrência da primeira fratura. Em alguns casos, os pacientes acham que eles são muito menores do que eram em sua juventude, ou que eles tinham feito uma corcova.

Uma vez que todos os ossos tenham sido enfraquecidos pela osteoporose, não é susceptível de ser:
• Dor nas costas causadas por fraturado ou recolhido
• Perda de altura de cerca de 1,5 cm no decorrer de um ano
• A postura do pouco

Embora a doença afeta todos os ossos, fraturas ocorrem mais comumente nas vértebras, punho e quadril. Você pode estar sofrendo de uma fratura vertebral, quando você dobre-se para pegar algo do chão, rolar na cama ou levantar objetos leves. Primeiro a fratura não seria a última, como a osteoporose permanece não tratada.

Como detectar a osteoporose?

A densidade óssea pode ser medido com a ajuda de uma máquina que usa baixos níveis de raios-X, a fim de determinar a proporção de minerais nos ossos. No momento em que este teste é indolor, chamado densitometria óssea (DXA), você deita sobre uma mesa, enquanto um scanner passa por cima do seu corpo. Na maioria dos casos, é verificado nos ossos do quadril, punho e coluna vertebral.

O teste, DXA fornece informações importantes projetado para ajudar você a entender o que é o risco de ter uma fratura: pode-se mostrar que a sua densidade óssea é normal ou que a comida na mesa do osso é pequeno, a condição é chamada de osteopenia. Quando a massa óssea é muito baixa, isso significa que já tem osteoporose, os ossos tornam-se finos, frágeis e podem se quebrar.

A investigação também é recomendado para todas as mulheres que tenham atingido a idade de 65 anos de idade ou que tenham entrado menopausa e que tenham fatores de risco associados.

De acordo com os especialistas, a Fundação Nacional de Osteoporose nos Estados Unidos, o ensaio para a medição da densidade óssea é recomendado para:

  • Todas as mulheres com mais de 65 anos de idade
  • Todos os homens acima de 70 anos de idade
  • Pessoas que fazem de uma fratura de quadril após a idade de 50 anos
  • As mulheres em idade fértil da menopausa, que mostra os fatores de risco para a osteoporose associada a: idade, raça, história médica, constituição física, hormonal
  • Para mulheres com menos de 65 anos de idade que entraram na menopausa, que mostra os factores de risco associados
  • Homens entre as idades de 50 a 69 anos de idade que apresentam fatores de risco associados

Médico reumatologista pode recomendar uma DXA de teste, e para indivíduos que tenham:

  • Eu estou fazendo um raio-x da coluna vertebral, de que os resultados mostram uma perda óssea na coluna vertebral.
  • Eles têm dor nas costas, devido a uma possível perda de osso ao nível das vértebras
  • Eles estavam perdidos em uma altura de cerca de 1,5 cm no decorrer de um ano

Discuta com o seu médico reumatologista sobre a osteoporose se você passou pela menopausa, se você tomou corticosteróides por vários meses, ou se um de seus pais teve uma fratura de quadril.

O tratamento da osteoporose

O tratamento recomendado é de, muitas vezes, com base em uma estimativa da probabilidade de uma fratura nos próximos 10 anos, utilizando as informações que você forneceu todos os seus densitometria óssea. Se o risco não é alto, o reumatologista deve ser capaz de prescrever qualquer medicamento, mas, em vez de enfocar a alteração nos fatores de risco.

A terapia com bisfosfonatos
No caso Em que o risco de fratura nos próximos 10 anos é de alta, o seu médico irá prescrever um curso de tratamento com bisfosfonatos.

Embora os bisfosfonatos são a maioria dos medicamentos prescritos para o tratamento da osteoporose, e eles podem ter uma série de efeitos colaterais podem incluir náuseas, dor abdominal e queimação do estômago. Especialistas dizem que estes efeitos secundários ocorrem normalmente quando o paciente não cumprir com as diretrizes para a administração da droga. É recomendável que você converse com seu médico sobre os possíveis efeitos indesejáveis da terapia com bisfosfonatos.

A terapia hormonal
A terapia de estrogênio, especialmente quando administrado logo após a menopausa pode ajudar a manter a densidade óssea. No entanto, pode aumentar o risco de formação de coágulos de sangue, câncer de endométrio, câncer de mama e doenças cardíacas. Assim, os estrogênios são recomendados, normalmente mulheres mais jovens. Existem alternativas para a terapia de estrogênio, que imita os efeitos benéficos de seu impacto sobre a manutenção da densidade óssea em mulheres pós-menopausa, evitando, assim, os riscos associados ao estrogênio.

Nos homens, a osteoporose pode ser relacionado a uma diminuição gradual do nível de testosterona no corpo. Portanto, a terapia de reposição de testosterona pode ajudar a melhorar os sintomas, associados com a testosterona, são de baixo.

Não deixe que a osteoporose obter-lhe corroem os ossos.

A osteoporose pode ser prevenida através de uma variedade de maneiras, de tomar certos tipos de medicamentos até mudanças de estilo de vida, seguindo uma dieta saudável e praticar exercícios regularmente. Dieta e exercício pode ajudar a prevenir a perda óssea e fortalecer os ossos.

Você deve mudar o seu estilo de vida.
• Eu não fumo
• Evitar o consumo excessivo de álcool. Mais de duas doses de bebidas alcoólicas por dia para homens e mais de uma dose em mulheres pode ajudar a reduzir a formação de novo osso; uma porção tamanho: 150 ml, 350 ml de cerveja 45 ml de bebidas destiladas
• Você tem o cuidado dos feridos. Usar sapatos com uma sola rebaixados, e o aperto para evitar slides
• Opte por uma dieta que é rica em proteínas (carnes magras, nozes, leguminosas, ovos e leite), suplementos de cálcio (homens e mulheres precisam de 1.000 miligramas de cálcio por dia, entre as idades de 18 e 50 anos de idade, a dose diária deve ser aumentada para 1200 após a idade de mulheres e homens, após a idade de 70 anos de idade), vitamina D (rda para adultos varia entre 600 e 800 unidades internacionais)
• Fazer exercício regularmente

Fontes:
www.mayoclinic.org
www.health.harvard.edu

Qualquer transtorno do músculo-esquelético scheletala pode ser diagnosticado por ressonância magnética

Os desafios em cada passo do caminho, na medicina, em que uma doença pode se manifestar de forma diferente em diferentes pacientes, diz o Dr. Guy Lamasz, médico clínico, radiologia e imagiologia médica. A experiência, além de imagens musculoscheletala formam a base da nossa colaboração com os melhores times de futebol, e com o romeno Federação de Futebol. Como o progresso extremamente rápido nas imagens e os desafios da profissão?! Com um esforço, o constante e ininterrupto de formação. Que nos trouxe para o cargo de serviços de criação de imagens comparáveis aos do ocidente. E sim, as pessoas vêm do exterior para fazer uma investigação dos serviços de criação de imagens na Roménia.

Os últimos anos foram um período de grande progresso na imagem de uma chance para um jovem médico. O que você pode nos dizer sobre esses desenvolvimentos?

Imagem é um dos mais exclusivos da medicina é muito mais flexível do ponto de vista da logística. Em outras palavras, você não pode encontrar em qualquer lugar do mundo, mas se você tiver uma conexão com a internet, você pode trabalhar com. É, portanto, tornando-se mais atraente para os jovens médicos. E, até onde eu sei, vai passar, e no nosso país de saúde. Como para o progresso, obviamente, como o avanço da tecnologia é sentida, tanto a nível de hardware, mas principalmente ao nível do software.

O seu CV contém uma lista de consistência dos cursos em várias áreas da imagem. O que você trouxe para este esforço de formação?

Na medicina, não é que você nunca parar de aprender. E é muito, muito verdadeiro. A fim de que o avanço da tecnologia leva a uma caracterização de imagem topo de várias doenças, algumas das quais podem ser diagnosticadas precocemente e, consequentemente, pode ser mais fácil de tratar. Por isso as formas de educação médica continuada – cursos que são absolutamente necessárias. Bem, a boa notícia é que, em radiologia, os radiologistas jovens (residentes) para benefício de muitos cursos gratuitos, que são patrocinados por grandes empresas de equipamentos médicos, muito mais do que em qualquer outro ramo da medicina.

A partir da perspectiva de quão longe estamos a nível europeu? Você pode praticar imagens a nível internacional no país?

Especialmente no campo da saúde privada, os padrões que são comparáveis com os do ocidente. E, como nós temos mais e mais e mais médicos formados na Europa, e o resultado é bastante natural. A Rainha Maria, por exemplo, existem muitos pacientes que fazer investigações nos eua, e eu vou fazendo regular fora do país, para as patologias que são mais complicadas do que isso.

Que áreas são as Suas prioridades para o seu interesse de especialização? E por que isso?

Na malásia, ele é diferente do ocidente, onde os radiologistas são especializados no ramo da neurológico, músculo-esquelético, cardiovascular, etc., No entanto, tanto quanto eu estou preocupado, são mais importantes do que as investigações sobre os ramos do sistema músculo-esquelético e neuro-imagem e patologia do fígado e próstata. Também, no Centro de Imagiologia do Evento, alguns dos meus colegas supraspecializati sobre o sistema circulatório, olho, etc.

No centro, temos para oferecer uma gama completa de exames de ressonância magnética do âmbito de aplicação do musculoscheletala – patologia muscular, ligamentar e os ossos. Isto é essencial, como eu trabalho muito com médicos, atletas profissionais têm equipes de romeno e o romeno Federação de Futebol. A experiência é grande, e eu ainda não conheci a condição de ser diagnosticado com a ajuda da investigação de uma ressonância magnética – bem, às vezes complementado com uma tomografia computadorizada, que é um grande auxílio para os médicos de ortopedia, reabilitação. Além disso, a fim de esportes médico é muito importante para você saber logo como a extensão das lesões, a fim de avaliar o tempo de recuperação do atleta.

Quando eles recomendam uma tomografia quando o aparelho de ressonância magnética? Como concluir ambos os métodos?

E a tomografia computadorizada e a ressonância magnética são os sentidos é muito preciso, dado que o TC é a investigação de iradianta, ao contrário de ressonância magnética.

Do meu ponto de vista, o CT é reservada a maioria da investigação da emergência, triagem, tumor, e a ressonância magnética é a investigação do superior, do ponto de vista do diagnóstico, há casos em que o local em que os dois se complementam.

Qual é a sua experiência no Centro de Imagiologia do Evento? As doenças mais comuns?

O caso é tão complexa como qualquer outra clínica, de exames para o câncer, patologia da mama, patologia do ouvido interno, ou medicina esportiva. Acredito que a maioria de exames ao nível da cabeça da coluna vertebral e músculo-esqueléticas.

Enquanto nós podemos falar de uma certeza, e quanto à questão sobre a imagem? Você não pode enganar ou trapacear nos caça-níqueis?

O grau de certeza de que parece muito a tecnologia, mas, sobretudo, pela experiência do radiologista. E quando os dois são combinados, dificilmente você pode estar errado.

É Importante fazer a coisa toda, do ponto de vista da imagem para uma avaliação precisa de cada paciente.

Como você vê a cooperação entre o radiologista e o cirurgião ortopédico? Como ele funciona basicamente no âmbito da rede, o Queen Mary?

O Feedback dos médicos com quem trabalho é muito importante, porque eles são alguns dos detalhes dos antecedentes dos operadores, por exemplo, que podemos ajudar o resto de nós, imagistii, vamos ter uma visão mais próxima sobre a patologia subjacente. E, claro, a comunicação de muitos, eu só pode trazer vantagens para isso, especialmente nos casos complicados, em que a clínica não se correlacionam necessariamente com a geração de imagens.

O que você acha que é a mais difícil de imagem?

O mais desafiador na imagem, ele é mantê-lo informado em todos os momentos, levando-se em conta o avanço da tecnologia, refiro-me, em particular, no lado do software, que vai nos ajudar, imagistii, para aumentar a certeza do diagnóstico.

O que você mais gosta do seu trabalho? Por quê?

Os desafios em cada passo do caminho na medicina. Por exemplo, uma doença pode se manifestar de forma diferente em diferentes pacientes. Quanto a patologia do musculoscheletala, é muito importante para o “timing”, porque eles são a doença de ruptura do complexo muscular, ligamentar rupturas, fraturas, meniscale, ou de osso para que a intervenção cirúrgica deve ser realizada o mais rapidamente possível, a fim de não perder a função desse órgão em particular. É por isso que é importante que um médico para participar de um número de vezes em diversas formas de educação continuada em radiologia, é um processo que deve ser facilitada e a criação de uma estatal ou privado, em que eles trabalham.

Entrevista gravada por Delia Budurca, Médico Sênior do Editor

A operação do intra-uterina endoscópica a laser na 22ª semana de gravidez de um feto com malformação congênita da bexiga com o potencial de um grave evolutiva

Pela primeira vez Na Roménia, Phd. Hadi Raminian tem realizado com sucesso uma operação fetoscopica com o feixe de laser na 22ª semana de gravidez de um feto com malformação congênita da bexiga com o potencial de um grave evolutiva.

Seu filho foi diagnosticado no exame ultra-sonográfico morfológico do primeiro trimestre-um 2-uma malformação congênita rara – obstrução dos cavalos na base da bexiga, através da presença de uma válvula, em nível de traseira , e ele foi enviado para tratamento especializado no Coração do Feto no Hospital do Evento. Se o feto não poderia ter sido operado no intra-uterina obstrução causado para a uretra (o tubo através do qual a urina é removê-lo para o lado de fora) teria impedido a urina para ser capaz de sair do corpo, o que poderia resultar em danos para a importância do desenvolvimento dos rins e dos pulmões. O procedimento consiste na introdução através do útero da mãe, sob orientação ultra-som, um fetoscop é muito pequena (cerca de 3 mm) diretamente para a bexiga do feto, e a destruição das válvulas com um feixe de laser, de modo que a urina possa fluir livremente.

17 meses mais tarde, na 39ª semana de sua gravidez, ela deu à luz um menino, que estava respirando normalmente. Ultra-som dos rins mostrou-lhe um dos meus rins era normal, e o outro foi apresentado para a displasia é moderado. Este caso ilustra a importância do acesso a procedimentos avançados para o diagnóstico e o tratamento é realizado ao nível do feto em caso de defeitos congênitos graves.

O que são as válvulas da uretra de volta?

A válvula é um espessamento das pregas da mucosa da uretra posterior, que é um obstáculo no caminho de evacuação de urina da bexiga para o exterior. Eles são a causa mais comum de obstrução do trato urinário inferior no feto do que o macho.

Como muitas vezes acontece, dessa forma, a válvulas da uretra de volta?

Obstrução da bexiga base, através da presença da válvula de uretra posterior é uma malformação congênita rara, que ocorre exclusivamente em homens. Estima-se que o número de casos novos em um ano, o tempo é de 1:8000 1:25 000 nascidos de novo.

O quão ruim é o efeito de um feto que está sofrendo da síndrome da válvula da uretra e a posterior?

As válvulas da uretra posterior é uma malformação congênita é grave. Obstrução da bexiga base é o desenvolvimento precoce na gravidez, no final do segundo trimestre, em um momento crítico, em que a forma dos corpos. O impacto sobre o feto depende da gravidade da obstrução, o dano à sua função renal e a quantidade de líquido amniótico tem um efeito sobre o desenvolvimento dos pulmões.

Felizmente, o prognóstico dessas crianças com a síndrome da válvula, a traseira tem melhorado de forma constante ao longo dos últimos 30 anos. No passado, a maioria das crianças foram diagnosticadas após o nascimento, como resultado de uma infecção de doença renal grave e insuficiência renal progressiva, e 50% deles morreu na idade da puberdade. Hoje, graças aos progressos na medicina, o acesso aos cuidados, o avançado da gravidez, com a maioria dessas crianças são diagnosticadas antes do nascimento, quando a tarefa destaque no renais, hidronefrose. Prompt de tratamento de obstrução da vesícula biliar, o tratamento da agressiva função da vesícula biliar e as técnicas cirúrgicas melhorado, eles têm reduzido a mortalidade neonatal em menos de 3 por cento.

O impacto sobre o desenvolvimento do superior urinário (bexiga, ureteres, rins)

Desde que o feto não é possível esvaziar a bexiga, ela se expande e se engrossa, tentando lidar com um monte de pressão, que cresce progressivamente. Em um processo dinâmico, uma disfunção ao nível da bexiga, que causa dano para o contínuo e progressivo danos nos rins. A urina acumula-se nos rins, com o aparecimento de hidronefrose, e, com o tempo, causar a destruição dos rins, devido à pressão exercida pela urina no tecido do rim (displasia do rim).

No final, todo o sistema urinário serão afetados, incluindo a uretra e o posterior, a bexiga, os ureteres e os rins. Considera-se que a válvula da uretra e das costas são responsáveis por 10% a 15% de todos os casos de insuficiência renal que requer transplante de rim para uma criança. Cerca de um terço das crianças com a síndrome da válvula na parte de trás de progressão para a doença renal crônica.

O impacto sobre o desenvolvimento dos pulmões.

Uma quantidade adequada de líquido amniótico é essencial para o desenvolvimento normal dos pulmões. Porque o líquido amniótico é formada como resultado da remoção do feto a partir da urina para o líquido amniótico, a presença de uma obstrução grave, na forma da passagem da urina, ele vai levar para a ocorrência de oligohydramnios (líquido amniótico, se a quantidade é muito reduzida). Isto irá impedir o desenvolvimento normal dos pulmões, provavelmente, através do efeito de compressão no tórax do feto através de danos para os movimentos respiratórios do último, ou como resultado do volume de líquido no brônquios e dos espaços para as aeronaves em formação. Como consequência, os pulmões são pequenos, subdesenvolvidos (hipoplasia pulmonar), e o nascimento do novo bebê será a presença de insuficiência respiratória.

Hoje, a síndrome das válvulas da uretra posterior pode ser diagnosticada durante a gravidez

Tanto o prognóstico e a indicação para a cirurgia intra-uterina depid para a precisão do diagnóstico, durante o período pré-natal. Felizmente, hoje, é a severidade dos danos para os rins e os pulmões podem ser determinados antes do nascimento através do exame de ultra-som, a morfologia do trimestre 2. A maioria dos recém-nascidos, com a válvula da uretra e posterior, são agora identificados com hidronefrose bilateral no útero e são diagnosticadas de imediato após a entrega usando a cistografia mictionala, e cistoscopia.

O diagnóstico de pré-natal

Ultra-som pré-natal, a triagem mudou completamente a forma de encontrar as válvulas da uretra. O diagnóstico é sugerido pela ultra-som na identificação da bexiga dilatada, e as paredes de engordar, e do uretre a traseira dillatate. Pode haver diferentes graus de dilatação do trato urinário superior. Os rins do bebê deve ser avaliado em mais detalhes para identificar os danos para os rins. O volume de líquido amniótico é medido para detectar o oligohidramniosului.

A avaliação da função renal do feto é essencial antes de o tratamento intra-uterina.

Uma vez que o diagnóstico de obstrução dos cavalos, a bexiga da base de dados é estabelecido, ele deve avaliar o prognóstico em termos de sobrevivência do feto, isso depende de quanto é compromisso da função renal antes do início da terapia.

A menina, que são candidatos à cirurgia fetal deve ser avaliado, bem como para determinar se os rins já foram afetados por ele, o que tornaria impossível para o funcionamento normal dos rins.

Existem dois métodos para determinar o prognóstico antes da cirurgia. O primeiro método é a ultra-sonografia de rins – este chistelor, ou o tecido foi hyperechoic (branco brilhante), muitas vezes são sinais de mau prognóstico.

O segundo método é vezicocenteza geralmente, o procedimento é semelhante para a amniocentese, por que ele é inserido através do útero da mãe com uma agulha no nível do colo da bexiga da criança através do qual a urina coletada é analisado para a presença de eletrólitos e proteínas. O procedimento deve ser repetido em 24 a 48 horas, e depois de outra de 24 a 48 horas. Desde a primeira e segunda amostras de conter urina, que tem sentou-se por um período de tempo mais longo do que o tempo na bexiga, os rins, o resultado da comparação na terceira colheita, ele vai permitir que a equipe médica para tomar a melhor decisão para o tratamento e avaliar com mais precisão o prognóstico da função renal do recém-nascido. Apenas uma garota com a obstrução das ongs, e com a definição das funções dos rins normais, eles não poderão ser candidatos para cirurgia geral.

A síndrome das válvulas da uretra, a volta pode ser tratada no útero

[#D]o Componente principal de que depende o prognóstico de crianças com diagnóstico intra-uterino de síndrome de válvulas da uretra posterior é representado por complicações secundárias à obstrução – se o rim, e hipoplasia pulmonar. Para evitar essas complicações, temos desenvolvido alguns procedimentos que podem ser executadas quando a criança ainda está no útero da mãe. O objetivo do desenvolvimento fetal é permitir que a urina para ir ao redor ou através do obstáculo. A restauração do fluxo normal da urina, a remoção do corpo do feto no líquido amniótico, permite o desenvolvimento normal dos pulmões e os rins.

Nos últimos 25 anos, as coortes no útero ao nível do feto tenha melhorado significativamente, e pode ser realizada no centro do fetal especialista, e no âmbito de uma estreita colaboração entre o obstetra supraspecializat em medicina fetal, um radiologista, um anestesista, neonatologia e pediatria urologia.

As opções para o tratamento intra-uterino das válvulas da uretra

De som vésico-líquido amniótico

É um procedimento que entra no útero, através do qual é montado em um especial de tubo (cateter) que tem uma extremidade na bexiga da criança, e o outro no líquido amniótico. Ele é feito de tal são o (comunicação) entre a bexiga e o líquido amniótico, a batida não é necessário. O procedimento é semelhante para a amniocentese, e é realizada sob orientação ultra-som. Esta abordagem visa a prevenção dos danos para os rins e os pulmões. O final do tratamento da obstrução é executada após o nascimento da criança. Os problemas relacionados com estes cateteres consistem de deslocamento, fecho, ou operação de defeito, exigindo repetir o procedimento. Este método tem sido mostrado para ser eficaz e foi realizado no desenvolvimento fetal especializados de todo o mundo com sucesso. No entanto, é de difícil manutenção, e a operação de longo prazo, estes tubos são muito pequenas.

Cistoscopia, de maneira geral, a ablação (destruição) das válvulas uretrais

O procedimento consiste na introdução de a sob orientação ultra-som de um fetoscop é muito pequena (cerca de 3 mm) diretamente para a bexiga do feto, e a destruição da válvula, com a abertura da obstrução. Isto pode ser conseguido através de uma hidro-ablação (manipulação de sal), por ablação, por electrocoagulação, ou por meio de um laser, ou destruí-lo com um tiro de eletricidade. O sucesso do tratamento é avaliada pelo destacando o fluxo de urina, a uretra de volta para o líquido amniótico no e ultra-som Doppler. Hoje, este procedimento é realizado minimamente invasiva, através da colocação de um endoscópio é muito pequeno, através de uma pequena incisão no abdômen da mãe, em vez de abrir cirurgia fetal.

A partir de um ponto de vista técnico, cistoscopia, geralmente, é um procedimento difícil e deve ser feita por especialistas em medicina fetal, com conhecimentos e habilidades avançadas e requer uma equipe multidisciplinar que inclui médicos, especialistas, anestesiologistas, urologistas, pediatras, e neonatologists.

Através da visualização direta do colo da bexiga da criança, a uretra e os orifícios da uretra, cistoscopia, geralmente, tem a vantagem de permitir que o diagnóstico pré-natal, com precisão. Além disso, você pode entrar e resolver a terapêutica da jam, com a destruição das válvulas da uretra.

Resolução da obstrução do trato urinário inferior provou ser altamente eficaz em restaurar o volume de líquido amniótico, o que vai permitir o desenvolvimento normal dos pulmões. Há necessidade de mais estudos a fim de determinar se a remoção da obstrução da bexiga antes de ir para o trabalho, você vai preservar a função renal e prevenir a insuficiência renal a longo prazo.

O que acontece após o nascimento?

Após o nascimento, a criança terá de ser consultado por um especialista urologista, pediatra, que irá realizar alguns testes para avaliar a anatomia e função dos rins (renal, ultra-som, cistografie mictionala, etc.), e fará recomendações para o tratamento e o seguimento a longo prazo.

Texto: Dr. Abel, O Médico Sênior-Gerente De Marketing

Orientador: Dr. Hadi Rahimian, md obstetrícia e ginecologia

Fontes de informação:

  • Posterior Válvulas Uretrais Tratamento E Gestão, Em 2016, Martin David Bomalaski
  • Posterior Válvulas Uretrais: o Diagnóstico pré-natal e Gestão, 2003, J Indiano Assoc Pediatr Surg
  • A Ablação a Laser de Posterior Válvulas Uretrais por Fetal Cistoscopia, 2014, José María Martínez &al, Fetal Diagn Ther
  • NICE Procedimentos de Intervenção do Programa, procedimento de Intervenção visão geral do fetal cistoscopia para o diagnóstico e tratamento de infecções urinária, obstrução do trato de saída, 2006
  • A Saúde Fetal Fundação fetalhealthfoundation.org.
  • O portal para as doenças raras e os medicamentos órfãos orpha.net
  • Na Universidade da Califórnia, em San Francisco, e O Centro de Tratamento Fetal fetus.ucsf.edu